Entretenimento

Os acertos e erros de Velozes e Furiosos 10

0

“Velozes e Furiosos” é uma das franquias de filme de ação mais amadas pelo público ao redor do mundo. Ela começou em 2001 e se tornou uma das sagas de ação mais longevas. Ao todo, até o momento, a franquia tem 10 filmes, com um novo previsto para ser lançado esse ano.

O décimo filme é o “começo do fim” para esses personagens. A trama começou com as histórias voltadas para os rachas ilegais, mas depois o enredo mudou e abordou crimes da máfia, espionagem, terrorismo, tudo cercado por várias viagens internacionais explorando todo o potencial que a franquia tinha em suas mãos.

Além das novas histórias, Velozes e Furiosos também brincou muito com o impossível acontecendo em seu universo. Tanto é que muito se falou que “só faltava eles irem para o espaço”, e foi exatamente isso que aconteceu no nono filme da saga.

Mesmo não tendo umas loucuras assim, Velozes e Furiosos 10 continua surpreendendo seu público com o impossível se tornando possível na tela. E assim como os outros filmes, ele é ótimo para ser visto não levando a produção a sério.

Velozes e Furiosos 10

Tecmundo

O começo do filme, da mesma forma que a maioria deles, é bem tranquilo. Toda família está em casa fazendo um churrasco e bem alegre. Mas claro que logo um vilão aparece para acabar com a paz de Dom e toda sua família.

A ameaça que eles enfrentam dessa vez é Dante, filho do político corrupto Hernan Reyes, que foi morto em “Operação Rio”. Motivado pela vingança, Dante quer fazer com que todos paguem pelo que fizeram com seu pai.

Por mais que essa trama já tenha sido vista várias vezes em Velozes e Furiosos, e até canse o espectador no começo, a história tem um bom desenrolar. E à medida que o filme caminha, é possível ver que eles tentaram deixar essa história diferente no décimo filme da franquia.

Tanto é que os personagens são divididos em núcleos. E colocá-los cada um com seus pequenos arcos deixa o filme com um ritmo mais acelerado e funciona muito bem. Já que as duas horas e 20 minutos de duração passam sem deixar o público entediado.

O grupo se separa e Dom (Vin Diesel) fica separado do time, assim como Letty (Michelle Rodriguez). Tej (Ludacris), Roman (Tyrese Gibson), Ramsey (Nathalie Emmanuel) e Sr. Pequeno Ninguém (Scott Eastwood) formam o grupo maior. Enquanto Jakob (John Cena) e Brian (Leo Abelo) viram uma boa dupla.

Dessa forma, cada um dos personagens faz relações com o passado dos filmes de Velozes e Furiosos, mas ao mesmo tempo colocam a nova história para frente. Contudo, o grupo maior, formado por Tej e Roman, é o que menos funciona. E por motivos explicados no ato final, o filme dá um destaque menor para esses personagens nas cenas-chave.

Um protagonismo no filme é dado a Jakob e Brian. Além disso, Leo Abel cumpre de forma excelente o seu papel.

Novidades

Tecmundo

Todo esse enredo é feito para que o personagem de Vin Diesel tenha ainda mais profundidade. Diferente dos outros filmes da saga, em que Dom é claramente o principal, mas tem sua autoridade mesclada com o resto, em Velozes e Furiosos 10 isso não é visto. Assim, a jornada de Dom é concentrada com personagens novos.

Dentre as participações está Daniela Melchior, que vive Isabel, uma brasileira que passa pela vida de Dom. O décimo filme da franquia volta ao Brasil, já que o vilão tem uma relação direta com o “Operação Rio”. Mas isso não funciona muito bem.

E de novo o Brasil é representado por várias pessoas armadas e música alta, além do fato de a atriz que vive uma brasileira ser, na realidade, portuguesa. E para quem espera ver Ludmilla na tela é melhor nem piscar. Isso porque a participação da cantora é de somente seis segundos e com efeitos especiais horríveis.

No geral, o elenco do longa entrega um bom trabalho, mas com as atuações já conhecidas da franquia, sem muito drama e cheio de frases clichês e de efeito.

Vale a pena?

O fato é que Velozes e Furiosos 10 é um filme bem divertido. Assim como os outros, ele não se leva a sério e faz aquele feijão com arroz da ação, mas com um orçamento alto. E mesmo a trama sendo de novo uma vingança genérica, nesse universo ela funciona.

Fonte: Tecmundo

Imagens: Tecmundo, YouTube

Elon Musk se manifesta contra o home office novamente, e considera trabalho remoto moralmente errado

Artigo anterior

O que é desdolarização e por que o termo está cada vez mais popular?

Próximo artigo