Os mitos que envolvem a Área 51

POR Rafael Miranda    EM Creepypasta      19/01/15 às 21h26

A famosa e controversa Área 51 é uma base militar da Edwards Air Force Base, em Nevada, nos EUA. Até 1994, tinha sua existência negada pelo governo estadunidense. Nos anos 70 quando a ''moda alienígena'' estava em alta, isso gerou todo tipo de especulação sobre extraterrestres, estudos de naves com tecnologia desconhecida e até dissecação de seres de outros planetas.

Alguns desses boatos foram reforçados e até originários de ex-funcionários do local, que, como em diversas outras áreas do exército, são proibidos de comentar a respeito de suas funções. Com ou sem explicações de outro planeta, a verdade é que sempre objetos voando em velocidades inimagináveis para a época, sem afetar radares e com formatos exóticos eram vistos pela população, e até hoje há confusão em dizer o que eram os tais objetos.

Extraterrestres?

73

Realmente havia naves com tecnologia sem precedentes no local, discos voadores e muito sigilo governamental, mas a guerra tecnológica travada não era contra inimigos siderais, e sim contra os comunistas.

Tudo começou com avistamentos de caças como o U-2, que exigiam que os pilotos usassem capacetes com um design bastante arrojado para a época, desenhados para a inalação direta do oxigênio, junto com macacões de material ultra-resistente, o que lhes dava um aspecto alienígena, se vistos por alguém de fora da base militar.

Isso era necessário porque esse tipo de nave voava na estratosfera (uma camada atmosférica acima de nós), em altitudes quase-espaciais. Isso era feito para fugir de radares e satélites, e, na época, era um projeto completamente secreto do governo, que estava em corrida armamentícia com a União Soviética.

A história de Bob Lazar

Bob Lazar é um físico norte-americano que ganhou destaque pela polêmica causada nas discussões sobre OVNIs sobre a Área 51. Lazar alega ter trabalhado de 1988 a 1989 como físico em uma área chamada S-4, localizada perto de Groom Lake, Nevada, próximo à Área 51.

De acordo com Lazar, S-4 servia como um esconderijo militar para o estudo de discos voadores extraterrestres. O físico diz ter visto nove discos diferentes lá. Ele também fornece detalhes sobre o modo de propulsão das naves.

Alvo de Teorias

72

Discos voadores? Apenas aviões? O que mantém o local como um ponto de teorias conspiratórias é o fato de que provavelmente jamais a área será aberta ao público, e, se for, jamais saberemos se isso é parte de um plano de encobrimento da realidade ou não.

Seja tecnologia (terrestre ou não), os aparatos produzidos na Área 51 são desconhecidos pela tecnologia popular, e realmente são feitos para o domínio mundial.

Rafael Miranda
Jornalista viciado em memes e amante da cultura pop.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+