Entretenimento

Por que o pai de Jeffrey Dahmer quer processar a Netflix?

0

Após as críticas de familiares das vítimas, o pai de Jeffrey Dahmer se pronunciou e afirmou que também está insatisfeito com as produções recém-lançadas sobre seu filho e quer processar a Netflix.

Lionel Dahmer alega que não aprovou a produção de “Dahmer: O Canibal Americano” estrelado por Evan Peters, nem o documentário “Conversando com um Serial Killer – O Canibal de Milwaukee”, que reúne gravações de conversas com a equipe jurídica do assassino.

As informações foram divulgadas por meio do assistente pessoal de Lionel em entrevista ao jornal britânico The Sun. O profissional afirmou que a Netflix não entrou em contato com o pai de Dahmer. 

“O Lionel e seus advogados estão reunindo informações e cogitando possíveis processos contra os produtores. Não houve nenhuma preocupação com o bem-estar dele”, disse o assistente.

O representante do pai do serial killer também alegou que acredita que a Netflix acabou glamourizando os assassinatos. Além disso, Lionel, de 86 anos, estaria irritado por ter sido interpretado de forma “injusta” na série.

O assistente ainda acrescentou que o pai de Jeffrey Dahmer está indignado com os curiosos de plantão, que estão atrapalhando a sua vida de reclusão no interior de Ohio, nos Estados Unidos.

Entre 1978 e 1991, Dahmer assassinou 17 homens em Wisconsin e em Ohio, nos Estados Unidos. Ele costumava atrair as vítimas para a sua casa, dopar e desmembrar seus corpos.

Halloween faz aumentar procura por objetos de Dahmer 

Foto: Divulgação/ Netflix

Após a série da Netflix, várias pessoas têm procurado objetos, camisetas e até mesmo fantasias, com a proximidade do Halloween, inspirados no serial killer americano Jeffrey Dahmer.

De acordo com informações do UOL, mesmo com alguns sites removendo as fantasias baseadas no serial killer, que estavam disponíveis para venda, muitas pessoas ainda procuram objetos associados a Dahmer.

Os interessados costumam recorrer a lojas virtuais em sites como Etsy e eBay para buscar produtos que tenham relação com o assassino. Entre os objetos procurados, estão óculos semelhantes aos usados pelo assassino, camisetas gráficas e outros objetos que fazem referência a Jeffrey Dahmer.

Ao TMZ, o eBay disse que removeu a venda de trajes, equipamentos e produtos ligados a Dahmer. Isso porque as políticas da companhia são contra publicações que induzem ao ódio, à violência ou a atividades criminosas.

Na página do eBay também está indicado que não são permitidos “itens intimamente associados ou que beneficiem criminosos violentos, seus atos ou cenas de crimes nos últimos 100 anos”.

Reação de familiares das vítimas

Foto: Divulgação/ Netflix

A mãe de um dos mortos pelo serial killer Jeffrey Dahmer comentou ao TMZ sobre as fantasias do assassino de seu filho.

“Ver uma série de sucesso da Netflix sobre o serial killer já causa muitos gatilhos”, afirmou Shirley Hughes, mãe de Tony Hughes, assassinado por Jeffrey Dahmer. “Ver pessoas se vestindo como o assassino causa ainda mais”.

Popularidade da série sobre Jeffrey Dahmer

Foto: Divulgação/ Netflix

Vale destacar que “Dahmer: Um Canibal Americano” se tornou a segunda série mais popular da Netflix em língua inglesa e a quarta da história do serviço. De acordo com informações do portal Deadline, a produção assinada por Ryan Murphy foi assistida por 701,37 milhões de horas ao longo de suas três primeiras semanas.

Apenas na primeira semana, a produção atingiu 196,2 milhões de horas assistidas. Na segunda, foram 299,84 milhões e, entre 3 e 9 de outubro, somou mais 205,33 milhões. 

O lançamento em inglês mais assistido da plataforma continua sendo Stranger Things 4, que somou 1,35 bilhão de horas assistidas, no primeiro mês.

Já a produção líder em audiência de todos os tempos da Netflix nas primeiras quatro semanas de lançamento continua sendo Round 6. De acordo com o site Gaúcha ZH, a minissérie sul-coreana conseguiu 1,65 bilhão de horas assistidas em seu primeiro mês. 

Fonte: Olhar Digital, GZH

Telescópio flagra o que pode ser a maior explosão registrada

Artigo anterior

9 animais que são considerados fósseis vivos

Próximo artigo