Você tem um 'segundo cérebro' e você nem imagina para que ele serve

POR Isabela Ferreira    EM Ciência e Tecnologia      01/06/18 às 15h06

O cérebro é um dos órgãos mais incríveis e complexos de todo o corpo humano, não há como negar. Localizado no interior de nossa caixa craniana, integra o sistema nervoso que é exatamente o lugar para onde convergem as informações que recebemos. Apesar de representar apenas 2% de toda nossa massa corporal, o cérebro consome cerca de 20% de todo o oxigênio que respiramos... Isso porque está por trás do comando de praticamente todas as ações que executamos, sejam elas motoras ou sensoriais.

Bem, até aí não temos grande novidade, não é mesmo? O que você acharia então, se disséssemos que o corpo humano possui um 'segundo cérebro'? Foi exatamente isso que os cientistas documentaram recentemente. Pela primeira vez, observaram melhor como funciona o padrão de disparo neural que ocorre em nosso trato intestinal. Foi aí que notaram que os movimentos de nosso intestino não são completamente comandados por ações de nosso cérebro convencional.

Intestino possui "mente" própria

Pode parecer estranho, mas nosso intestino realmente possui uma espécie de mente particular, que não depende necessariamente do cérebro encontrado em nosso crânio. É aí que entra em ação o 'segundo cérebro', conhecido cientificamente como sistema nervoso entérico (SNE). Ele faz parte do que conhecemos também como sistema nervoso autônomo... Que é nada menos que uma rede de neurônios que compões o sistema digestivo.

Mas se você ainda está se perguntando o que tudo isso quer dizer, podemos ajudar. Para simplificar, o 'segundo cérebro' serve para nos ajuda a fazer cocô, e os cientistas descobriram como ele faz isso. Segundo o neurofisiologista Nick Spencer, da Universidade Flinders, na Austrália: "A característica única do trato gastrointestinal é que ele é o único órgão interno com seu próprio sistema nervoso completo que pode operar de forma totalmente independente do cérebro e / ou medula espinhal".

Por possuir cerca de 400 milhões de neurônios e dezenas de neurotransmissores que circundam o trato gastrointestinal, é considerado como a maior coleção de neurônios jé encontrados fora do cérebro. O mais surpreendente é que pode ser capaz de funcionar de forma quase independente do sistema nervoso central. Apesar de ainda se comunicar com nosso "cérebro principal", seria possível cortar o nervo vago e ainda assim o SNE continuaria funcionando normalmente.

Acredita-se que sua influência sobre o corpo seja ainda maior... Apesar de não se envolver diretamente em nossas tomadas de decisão e consciência. De qualquer forma, o principal trabalho do SNE ainda é gerenciar e controlar nossa digestão e a hora que devemos ir ao banheiro. No entanto, quanto mais os cientistas estudam o 'segundo cérebro', mais complexo ele se torna. Algumas evidências podem apontar que ele influencia até mesmo em nossas emoções e estado de espírito. Mas por enquanto, são apenas especulações.

E então pessoal, o que acharam? Já sabiam que poderíamos ter um sistema independente? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!

Via   Science Alert     IFL Science  
Isabela Ferreira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+