Entretenimento

Will Smith pode ser expulso da Academia após tapa

0

No último domingo de março (27), Will Smith fez história. Isso porque, minutos antes de ganhar o Oscar de Melhor Ator pelo seu trabalho em King Richard – Criando Campeãs, o ator subiu ao palco para agredir o comediante Chris Rock.

Dessa forma, a repercussão do acontecido está longe de acabar, visto que o ato gerou grande polêmica e efeitos na carreira do astro. A Academia de Artes e Ciênicas Cinematográficas, responsável pela premiação, já iniciou processos disciplinares contra o vencedor do Oscar de Melhor Ator. Assim, podem levar à sua expulsão.

De acordo com a organização, após a agressão presenciada na cerimônia, Will recebeu o convite para se retirar da cerimônia. No entanto, ele se recusou.

“O conselho de governadores iniciou hoje um processo disciplinar contra Smith por violações dos padrões de conduta da Academia, que incluem contato físico inadequado, comportamento abusivo ou ameaçador e comprometimento da integridade da Academia”, diz o comunicado oficial veiculado pelo site The Hollywood Reporter.

Segundo a Academia, Will Smith recebeu aviso sobre as possíveis consequências de sua atitude e terá o direito de se defender por escrito. “Na próxima reunião do conselho, prevista para 18 de abril, a Academia poderá tomar qualquer medida disciplinar, que pode incluir suspensão, expulsão ou outras sanções permitidas pelos estatutos e padrões de conduta”, diz o texto.

“As coisas se desenrolaram de uma maneira que não poderíamos prever. Will Smith foi convidado a deixar a cerimônia e recusou. Também reconhecemos que poderíamos ter lidado com a situação de maneira diferente”, concluiu a Academia.

O tapa que ecoou mundialmente

Photo by Robyn Beck/AFP

Após subir ao palco, o comediante Chris Rock iniciou sua sequência de piadas com as pessoas presentes no palco. Assim sendo, apesar de ser de costume fazer piada com os indicados, apenas, Rock decidiu apontar Jada Pinkett Smith, esposa de Will Smith, como a vítima de um comentário.

Na ocasião, o comediante fez uma referência à cabeça raspada da atriz, relacionando o visual dela com o filme G.I. Jane (1997), sendo que Pinkett sofre de alopecia, uma condição médica que causa perda de cabelo. Portanto, Will Smith subiu ao palco logo em seguida para depositar um tapa na bochecha esquerda de Chris Rock, que ficou em choque, assim como todos os presentes.

Por alguns momentos, a plateia não soube reagir, visto que todos ali presentes eram da indústria do entretenimento e aquilo poderia ser uma cena combinada. Contudo, logo ficou claro que a agressão foi verdadeira quando Will Smith retornou ao seu assento e proferiu xingamentos ao comediante. Usuários até compartilharam mensagens na internet sobre como o ator merecia um Oscar caso tudo fosse encenação.

No dia seguinte (28/03), o ator usou suas redes sociais para se desculpar publicamente. Assim, apesar do pedido de desculpas, Will Smith ainda deu algumas alfinetadas em seu texto.

Pronunciamento de Will Smith

“A violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva. Meu comportamento no Oscar de ontem (domingo) à noite foi inaceitável e imperdoável. Piadas às minhas custas fazem parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada foi demais para mim e eu reagi emocionalmente”, começou.

“Eu gostaria de me desculpar publicamente com você, Chris. Eu perdi a linha e estava errado. Estou envergonhado e minhas ações não foram indicativas do homem que quero ser. Não há lugar para violência em um mundo de amor e bondade”.

“Também gostaria de pedir desculpas à Academia, aos produtores do programa, a todos os participantes e a todos que assistiram ao redor do mundo. Gostaria de me desculpar com a Família Williams e minha Família King Richard. Lamento profundamente que meu comportamento tenha manchado o que tem sido uma jornada linda para todos nós”, finalizou.

Consequências

Diante dessa polêmica, o ator teve algumas produções paralisadas, como foi o caso de Fast & Loose, filme de ação da Netflix que teria Will Smith como protagonista. Assim, segundo o relatório do The Hollywood Reporter, David Leitch, que já havia trabalhado em Atômica e Deadpool 2, deixou a direção poucos dias antes de cerimônia. 

Com isso, buscava-se um substituto. Contudo, com o acontecimento entre Will Smith e Chris Rock, decidiram pausar a pré-produção. Não está claro se o filme será cancelado ou se irão buscar outro ator.

Fonte: Metrópoles

Helicóptero e robô da NASA são fotografados na superfície de Marte

Matéria anterior

O que aconteceu com o elenco de Chaves 51 anos depois?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos