Realmente de uns anos pra cá, comprar um carro no Brasil está cada vez mais comum devido a facilidade de comprar um carro 0 km. Mas comprar um carro novo não é tão fácil assim, para quem não entende de carro, um vendedor pode ser "mais esperto" que você e tentar te passar a perna, e acreditem, isso acontece todos os dias.

Existem alguns segredos que os vendedores de carros, as concessionárias de veículos e até as fabricantes não querem que nós ficamos sabendo, coisas e segredos que podem fazer a diferença na hora de comprar um carro. Pensando nisso caros leitores, nós separamos para você os 6 segredos sujos que as concessionárias de veículos não revelam pra você, confiram:

1 - O vendedor que o melhor negócio para ele e o pior para você

1

Esse primeiro segredo pode ser bastante óbvio, embora todos os vendedores neguem. O fato é muito simples, no entanto, qualquer vendedor que disser que ele está fazendo o melhor negócio para você, não passa de uma mentira. Tudo o que eles importam é que você compre um carro para que eles possam ganhar a comissão. Tudo o que eles querem é arrancar o seu dinheiro, não importa se você vai estar satisfeito ou não.

2 - O som do motor não quer dizer nada

2

Publicidade
continue a leitura

Uma tendência crescente entre a industria automobilística, causada em parte pelos consumidores, é que quanto maior o som do motor melhor, ou pelo menos é o que as pessoas parecem pensar. Essa ideia de que quanto mais auto o som do motor mais potente é falsa, até porque, os melhores carros costumam ter motores bem silenciosos.

Apesar de algumas pessoas não quererem carros barulhentos, os fabricantes de carros estão fazendo motores com um som alto intencionalmente, pois existem aquelas pessoas que acham que o barulho do motor pode dizer muito sobre o veículo. Isso não quer dizer que o carro é o melhor, e muito menos o pior. Bom, o ponto é que, a industria automobilística nos faz pensar que quanto maior o som do motor do carro, mais potente, então, fiquem vocês sabendo que isso não passa de uma grande mentira.

3 - A emissão de gases dos veículos está destruindo o mundo

3

E quem vai vender um produto é falar que ele é mortal para o meio ambiente? As emissões dos carros, com uma infinidade de produtos químicos perigosos, penetram cada vez no ar a cada dia que uma pessoa compra um carro novo, e isso está destruindo o planeta. Tiveram alguns avanços nos carros durante os anos para diminuir a emissão de gases, mas parece que os fabricantes não se preocupam muito com isso.

4 - Seu carro usado vale muito

Publicidade
continue a leitura

4

Por mais velho que seu carro esteja, ele vale mais do que você pensa, então, faça uma pesquisa com cotações de usados para ter uma boa base. O vendedor que pegar o seu carro em um negócio vai revendê-lo depois e lucrar um bom dinheiro. Quando você for fazer negócio com o vendedor, ele vai oferecer preços baixíssimos no seu carro usado, portanto, o melhor negócio é você mesmo tentar vender o seu carro, mesmo que dê um pouco de trabalho, mas você vai economizar um bom dinheiro.

5 - Os problemas no carro podem aparecer depois de até dez anos

5

Entre os anos de 1999 e 2009, a Ford Motor Company teve mais de 14 milhões de automóveis de várias marcas e modelos com um mecanismo de controle com defeitos que fizeram alguns carros propensos à pegar fogo e explodir. Demorou mais de 10 anos para a Ford reconhecer todos os carros afetados, e isso é apenas um dos muitos exemplos de que os carros em si podem facilmente matá-lo. Pode ser raro, mas todo carro é capaz de explodir devido ao combustível que o faz funcionar.

Publicidade
continue a leitura

Todo mundo sabe que os carros podem ser perigosos, até porque, 1,3 milhões de pessoas morrem todos os anos em acidentes de carro, e a maioria deles é por motivos de erros humanos. Mas isso não significa que não exista acidentes que foram causados por defeitos nos carros, que podem demorar até décadas pare perceber os problemas.

6 - Os carros elétricos são 100% viáveis

6

Carros exigem combustível para andar e acabam emitindo gases mortais que prejudicam tanto as pessoas quanto o nosso próprio planeta. Hoje em dia, a ciência tem percebido o quão prejudicial os carros podem ser para o mundo, e disso surgiram algumas iniciativas para incentivar as pessoas a dirigir menos e usarem mais transportes públicos e bicicletas.

Os carros elétricos são muitos controversos na sociedade moderna, mas na verdade, não há nenhuma razão para que eles não existam. O primeiro carro totalmente elétrico foi feito pela General Motors em 1996. Infelizmente, a GM sentiu que os carros não eram financeiramente viáveis, ou talvez não eram financeiramente viável a ponto que a GM e a maioria dos outros fabricantes de automóveis ficaram freneticamente em pânico sobre o fato de que a industria estava prestes a mudar pela primeira vez em um século. Bom, o que sabemos é que os carros elétricos são 100% viáveis, mas por algum motivo continuamos a usar o carros a combustível.

E aí amigos, já sabiam todos esses segredos das concessionárias de veículos? Comentem!

Publicado em: 26/09/16 15h35