• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 cidades submersas que você provavelmente não conhece

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      20/02/19 às 15h03

Se você assistiu ao filme do Aquaman, provavelmente, quando se fala em cidades submersas lhe vem à cabeça Atlântida. De acordo com Platão, era uma cidade cheia de riquezas, cheia de minerais naturais e vegetação abundante. Conta-se que os atlantes idealizaram templos fantásticos, expondo suas riquezas e criando magníficas estátuas em adoração aos deuses.

Por serem um povo privilegiado e afortunado, os atlantes se tornaram ambiciosos e "espiritualmente feios", o que os tornou incapazes de contemplar a sua boa sorte. Então, Zeus entregou Atlântida para Poseidon que foi tomada pelo mar.

Não deixa de ser uma história interessante, e até que se prove o contrário, apenas um mito, já que a cidade perdida de Atlântida nunca foi encontrada. Mas, na realidade, existem muitas outras cidades submersas pelo mundo. Hoje trazemos aqui 7 delas. Confira.

1 - Dunwich

Dunwich foi uma grande cidade da Inglaterra durante o século XI. Mas, devido a uma sucessão de tempestades que erodiu o litoral, fez com que grande parte da cidade ficasse submersa. Por décadas, essas tempestades foram constantes na região, o que fez com que os moradores construíssem valas como mecanismos de defesa para tentar conter as águas e evitar o afogamento da cidade. Mas, a medida não foi suficiente e, inevitavelmente, a cidade foi invadida pelo mar.

Evidentemente, Dunwich era uma cidade considerável. Explorando a região, mergulhadores localizaram os restos submersos de quatro igrejas e uma casa de pedágio, bem como diversas moradias e inclusive os restos de um navio que foi destruído junto com a cidade. A visibilidade na região é muito fraca, e fotografias são praticamente impossíveis. Mas ainda é possível visualizar um modelo em 3D da cidade perdida no museu local.

2 - Baiae

Baiae é uma antiga cidade romana que fica a cerca de 16 quilômetros de Nápoles, na Itália. A cidade, parcialmente afundada, teria sido batizada em homenagem a Baios, o timoneiro que guiou o navio de Ulisses. Foi uma das cidades romanas mais importantes durante anos. Como seus habitantes eram muito ricos, vários tesouros podem estar submersos juntamente com a estrutura da cidade. Uma das hipóteses relacionados à submersão da cidade por centenas de anos, está relacionada a uma atividade vulcânica na região.

Estudos arqueológicos no território estão em andamento desde 1941. Por ter uma água clara, é possível que os mergulhadores explorem e façam registros do local que apresenta áreas submersas incrivelmente preservadas, incluindo pisos com mosaicos, que mesmo após 1700 anos sob a água não foram danificados.

3 - Heracleion

Heracleion é uma cidade egípcia que afundou no mar há mais de um milênio, e que foi considerada mítica até ser encontrada em 1999, pelo arqueólogo Franck Goddio. A região, que ainda está sendo explorada, é rica em tesouros, com centenas de estátuas e placas de pedras, além de moedas de ouro.

A cidade começou a afundar por volta do século III, provavelmente pelo peso excessivo dos grandes edifícios extraordinários, e desapareceu completamente no século VIII. Arqueólogos que exploram o local encontraram ainda restos de naufrágios, o que indicam que Heracleion possa ter sido um importante porto comercial.

4 - Kekova

A cidade localizada na ilha turca de Kekova foi submersa devido a um terremoto no século II. Mesmo que os registros históricos sejam incompletos, é possível que a ilha tenha tido um lugar de destaque durante a era bizantina. É possível observar as ruínas parcialmente afundadas sob as águas límpidas e azuis do Mediterrâneo.

A região é protegida desde 1990, embora os visitantes sejam bem-vindos para visualizar de perto os edifícios completos com escadarias de pedra que levam para o mar.

5 - Atlit Yam

Também situada no Mar Mediterrâneo, Atlit Yam fica a 1 quilometro da costa de Israel. A cidade se encontra tão preservada que é possível encontrar esqueletos humanos que permaneceram intactos em suas sepulturas. Atlit Yam é uma das primeiras cidades submersas encontradas pelo homem. O local foi afundado por cerca de 9.000 anos até que a exploração de pedreiras na região encontrasse alguns dos restos mortais. Em 1984, o arqueólogo marinho Ehud Galili, identificou a cidade e começou a trabalhar para preservar e proteger o local.

6 - Shicheng


Enquanto a maioria das cidades aqui citadas foram submersas por causas naturais, Shicheng, na China, foi propositalmente inundada em 1959, com a criação da represa de Xin"na. Na época, 300 mil pessoas foram realocadas para dar lugar à construção, deixando a cidade.

A cidade que tinha aproximadamente 600 anos, apresentava uma marcante arquitetura chinesa clássica. A estrutura restante permaneceu intocada até 2001, quando o governo chinês iniciou uma pesquisa para verificar o que tinha restado da cidade, e gerou o interesse pelo local. Os mergulhadores encontraram estátuas incrivelmente preservadas, de leões, fênix e dragões, e ainda edifícios antigos datados do século XVI.

7 - Neápolis

Descoberta recentemente, em 2017, a cidade perdida de Neápolis, na Tunísia, foi afogada por um tsunami há 1.700 anos atrás. Mas ainda é possível encontrar os vestígios da cidade, com ruas, monumentos e centenas de contêineres. As ruínas preenchem uma área de 50 hectares, e acredita-se que tinha sido inundada pelo mesmo tsunami que destruiu Alexandria.

Os arqueólogos que exploraram o local descobriram pouco em termos de tesouro, mas o trabalho arqueológico ainda está em andamento na região.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+