• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


A história de Eloá e sua mãe vai te emocionar

POR Diogo Quiareli    EM Compartilhando coisa boa      20/02/19 às 15h09

Quem acompanha as redes sociais, deve ter se deparado com uma imagem que viralizou recentemente. A foto foi compartilhada mais de 120 mil vezes no Facebook, Instagram e Twitter. É a fotografia de Maria das Graças chorando de alegria ao lado de sua filha Eloá, que estava recebendo uma homenagem pelo bom desempenho escolar. A imagem das duas comoveu diversas pessoas. A publicação inicial foi feita na página da escola pública onde Eloá estuda e somente nesta, mais de 70 mil reações foram dadas. Houve páginas que conseguiram 100 mil reações, sendo o "amei" a mais utilizada pelos usuários da rede. Muitos comentários vangloriavam a sinceridade transparecida na fotografia.

No entanto, a postagem necessitava de mais informações a respeito de Maria e Eloá. Isso porque eles só informavam a escola e a premiação que a jovem estudante recebeu. Pensando nisso, a BBB Brasil resolveu procurá-las para obter mais detalhes e conversou com as duas protagonistas da imagem. A família vem passando por um momento delicado e tem lutado, dia após dia, para superar uma grande perda. Confira conosco o desenvolver dessa história que te deixará emocionado.

A foto

Era uma manhã de sábado quando ocorria o sarau literário entre pais e alunos na Escola Estadual Doutor Fernando Amos Siriani, em Bragança Paulista. O evento entregava certificados em reconhecimento aos estudantes que mais se destacaram durante o ano letivo. Os melhores desempenhos escolares foram avaliados pelos professores. Eloá de Oliveira Rosa, de 13 anos, foi um dos nomes chamados para receber seu certificado. A garota está no sétimo ano do ensino fundamental. Ela disse que ficou surpresa ao ver seu nome entre os destaques de toda a escola.

"Eu não esperava, porque no primeiro bimestre eu tive um desempenho mais ou menos na escola. Mas depois me dediquei mais aos estudos e melhorei", disse a menina à BBC News Brasil. Segundo os professores da escola, Eloá sempre foi uma aluna bastante dedicada. "No ano passado, ela tinha bastante dificuldade em Língua Portuguesa, mas, com o tempo, foi se esforçando e melhorando. Ela se destaca não só pelas notas, mas pela educação, respeito, carinho, dedicação e pontualidade na entrega de trabalhos", disse Tatiana de Lima, professora de Língua Portuguesa e uma das responsáveis pela organização do sarau. Ela deu aula para a garota no ano de 2017.

Maria das Graças Oliveira Rosa, de 54 anos, dona de casa, disse que já estava emocionada desde o início do sarau, quando os estudantes começaram a declamar seus poemas. Assim que ouviu sua filha ser chamada entre os destaques ficou surpresa. Ao vê-la subir no palco para receber o prêmio das mãos de Tatiana, não conseguiu segurar as lágrimas, pois essas escorriam fortemente pelo seu rosto. Logo ela foi chamada para posar ao lado da famosa fotografia com sua filha. Aos prantos, ela começou a chorar ainda mais enquanto abraçava a menina.

"No início ela tentou se esconder da foto, com vergonha por estar chorando, porque a emoção foi muito grande. Então, a acalmei e disse que era um momento importante, que elas estavam lindas e então ela deixou que eu a fotografasse", relatou a coordenadora da escola, Cecília Fontaneta, responsável por tirar as fotos dos alunos no evento. Maria das Graças disse que estudou até a sétima série do ensino fundamental, mas precisou abandonar a escola para trabalhar, ainda cedo. No entanto, sempre incentivou a filha a estudar para ser uma boa aluna na escola.

Ver a filha ganhar aquele prêmio foi uma certeza de que ela seguiu bem os mandos da mãe. Isso foi o que mais deixou Maria emocionada ao ver a garota sendo elogiada e homenageada pela comunidade de professores. "Fiquei muito contente em ver como a minha filha é inteligente e o esforço dela na escola", disse.

Para completar os motivos da emoção, Maria das Graças revelou que tudo se intensificou após a morte do seu marido, em agosto de 2018. O homem de 54 anos, pai de Eloá, sofreu um infarto e, em vida, incentivava muito os estudos da filha. "O meu marido sempre dizia sobre a importância da escola e queria que todos os filhos terminassem os estudos", disse Maria segurando o choro. "Eu sei que meu marido ficaria muito contente se tivesse ali e visse a filha ganhando aquela homenagem. Senti muito por ele não estar comigo naquele momento. Isso me emocionou muito", completou.

Eloá afirmou que a emoção da mãe foi vista por ela como uma forma de expressar todo o seu orgulho e amor que sentia naquele exato momento. "Fiquei feliz por ter sido motivo de emoção e orgulho para a minha mãe. Eu sei que ela chorou de alegria por mim e também de saudade do meu pai", contou a garota. Entre os quatro filhos de Maria das Graças com seu finado marido, Gessy Roberto, apenas o mais velho se formou, mas Eloá continua a caminho.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Diogo Quiareli
Geminiano, 24 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+