• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 coisas inacreditáveis que os médicos faziam na Idade da Pedra

POR Natália Pereira    EM História      02/05/18 às 17h02

O processo evolutivo do homem tornou a vida que temos hoje possível. Não foi nada fácil de se conquistar. Muito menos rápida. Os seres humanos tiveram que se adequar as condições em que viviam. Pouco a pouco, fizeram com que suas relações fossem mais agradáveis e fáceis para o seu grupo. O que nos leva ao começo, até a Idade da Pedra. Um dos tempos mais primordiais já registrados pela nossa espécie. E que, mesmo estudando sobre ele na escola, a maioria não sabe como viviam realmente as pessoas daquela época. Imagine então como eram os 'médicos' nesse período?

Os especialistas acreditam que a Idade da Pedra tenha tido início na África. Isso há cerca de 2 milhões de anos. Esse período acabou sendo dividido em 4 partes. Eolítico, Paleolítico, Mesolítico e Neolítico, cada um com suas próprias especificações. Esse período marcou fatores importantes para o desenvolvimento e deu os primeiros passos para a formação de uma civilização, estabelecendo uma forma de vida que fugia do estilo nômade anterior. Além da descoberta de novas formas para o uso do fogo, como para preparar alimentos e espantar animais, além de usar roupas para se proteger do frio.

Mas, ainda que esses tenham sido passos importantes, eles também precisavam encontrar formas para o tratamento de seus membros e é aí que as coisas ficam interessantes. E, mesmo que os homens das cavernas não tenham deixado registros daquilo que fizeram, os seus corpos deixam extremamente claros alguns de seus feitos médicos e esses são alguns deles.

1 - Amputação

Você deve estar imaginando uma daquelas amputações brutais neste momento, mas não é isso que os corpos das pessoas daquela época mostram. Arqueólogos tem encontrado pontos importantes nos ossos dos amputados na Idade da Pedra e geram uma visão bem diferente do procedimento. Um esqueleto encontrado na França, datado de 5000 a.C, mostram um corte preciso em seu antebraço, local onde teria sido amputado. Além disso, outros indícios afirmam que ele teria sido "anestesiado" com o uso de um alucinógeno retirado, provavelmente, de uma Datura. O fato do local não ter infecções, e do homem ter vivido muitos anos depois disso, mostra que eles teriam usado uma espécie de antisséptico no local da amputação, retirado de uma sálvia.

2 - Costurando feridas

Como você costuraria suas feridas se estivesse na Idade da Pedra? Algumas tribos primitivas da Índia e de partes da África usavam uma técnica um tanto peculiar para isso. Eles deixavam que as formigas andassem pela ferida e a mordessem. Assim que as suas presas ficavam dos dois lados do ferimento elas tinham suas cabeças arrancadas. Isso fazia com que as presas ficassem firmes no ferimento e a apertassem. Esse método já estava sendo usado quando a escrita chegou na Índia e os especialistas acreditam que ela exista desde o Neolítico.

3 - Tratamento dentário

Os tratamentos dentários parecem algo recente e moderno mas, por incrível que pareça, eles já existem a um bom tempo. Os restos mortais de uma tribo encontrada no atual Paquistão, que viveu a cerca de 9.000 anos, continha indícios interessantes em seus dentes. Parte deles estavam perfuradas nos locais onde cáries teriam se formado. Os especialistas acreditam que essa técnica tenha sobrevivido na tripo, sendo passada de boca em boca, por 1.500 anos antes de se perder. Além disso, os responsáveis por fazer esse tratamento utilizavam brocas de sílex como ferramenta. Além disso, a imagem presenta na capa se refere a uma obturação dentária de aproximadamente 13.000 anos.

4 - Maternidade

No passado, dar a luz erá algo realmente perigoso que poderia resultar na morte tanto da mãe quanto do seu bebê. Não havia tecnologia que indicasse o que deveria ser feito durante esse momento tão difícil para as mulheres e os especialistas acreditam que cerca de 1/3 das gestantes morriam na hora do parto. Mas, aparentemente, isso não era assim para todas. Aparentemente, algumas tribos desenvolveram certa noção sobre o parto e o que deveria ser feito nesse momento, dando instruções para as mulheres.

Um dos principais indícios disso foram desenhos encontrados nas paredes de algumas cavernas. Eles mostravam uma mulher em trabalho de parto em pé com as mãos na altura da cintura, movimento que deveria ser feito pela gestante. Além disso, acreditasse que elas tenham sido feitas em um local destinado para mulheres grávidas, como uma maternidade. Local no qual elas estariam seguras e instruídas.

5 - Concertando ossos quebrados

O procedimento utilizado naquela época era, na verdade, bem parecido com o que ainda usamos nos dias de hoje. Apesar de não ser feito por todos e em todas as tribos, por falta de recursos e conhecimento, algumas pareciam usar a argila para criarem moldes nos membros danificados. Por exemplo, caso um deles acabasse quebrando o braço, a parte quebrada era coberta com argila e deixada para secar no sol.

6 - Treinamento médico

Ao contrário do que muitos poderiam imaginar da época, aqueles responsáveis por cuidar dos doentes e feridos não eram inconsequentes. Alguns ossos animais, datados com cerca de 5.000 anos, mostravam ferimentos cirúrgicos curiosos. Um deles, encontrado na França, exibia um buraco na cabeça feito com uma pedra afiada. Os especialistas acreditam que eles tenham usado animais para testar suas práticas primitivas.

7 - Cirurgias cerebrais

Alguns crânios da Idade da Pedra foram encontrados com buracos interessantes que teriam sido feitos com propósitos médicos. Os especialistas acreditam que eles tenham tentado criar um método similar à trepanação. Eles usaram ferramentas de sílex para raspar pedaços do crânio até chegar ao seu cérebro. O método parece ter sido usado em pessoas com epilepsia, enxaquecas e distúrbios mentais. E, apesar de seu um procedimento primitivo e não ter os embasamentos corretos, depois de um tempo os pacientes passaram a sobreviver ao tratamento mesmo com buracos na cabeça.

E aí, sabiam que as pessoas da Idade da Pedra eram capazes de fazer tratamentos como esses? O que acharam?

Próxima Matéria
Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+