• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 enigmas de infância que já foram respondidos pela ciência

POR Bruno Destéfano    EM Curiosidades      29/04/19 às 17h39

Algumas pessoas, mesmo passando da fase juvenil, não se esquecem de que nada é inteira e absolutamente compreensível e, por isso, continuam a enxergar os enigmas e a... perguntar. Talvez nós sejamos essas tais pessoas, para ser bem sincero. Cá estou eu escrevendo sobre fatos ou curiosidades não tão conhecidas assim, e cá está você lendo para se informar sobre determinado assunto. Bem, então provavelmente você se identifica com o que escrevi até então e também se identificará com o que vou escrever agora. Mesmo desvendando alguns mistérios da vida e da natureza, nós nunca conseguimos encontrar todas as respostas esperadas, não é? As vezes nós nem encontramos alguém para respondê-la. Por isso, a dúvida persiste para além da infância e nos atormenta até hoje. Bem, e se eu te falar que vários destes enigmas já foram respondidos pela ciência? Sua consciência vai ficar tranquila? Elaboramos uma lista com 7 enigmas de infância que já foram respondidos pela ciência.

O mundo, para quem nunca o viu ou ao menos conheceu, tem a tendência de ser visto como um infindável labirinto de enigmas. Sem explicações anteriores, sem respostas na ponta da língua, acabamos criando mais dúvidas em cima de outras dúvidas. Provavelmente sua mãe ou o seu pai vão direto para o céu por ter aguentando todas as perguntas que você já fez. Vamos à lista?

1. A zebra é preta ou branca?

A zebra é um equino branco com listras escuras. A cor preta é o principal pigmento gerado pelo processo genético de pigmentação seletiva, sendo que a parte branca é o resultado da ausência deste processo. A propósito, cientistas britânicos descobriram por que a zebra tem essa dinâmica.

Segundo eles, as listras pretas e brancas são menos atraentes para as moscas. Os biólogos, por sua vez, criaram a hipótese de que os tons listrados e monocromáticos assustam os predadores. Esse é um dos enigmas de infância que já foram respondidos pela ciência.

2. Por que os gatos olham tanto para o "horizonte"?

Algumas pessoas acreditam que os gatos observam o vazio pois são capazes de identificar assombrações. Na verdade, se os felinos olham para uma região específica por um longo tempo, é sinal de que estão se preparando para dormir. O "estado" se refere ao pré-sonho, na maioria das vezes.

E quando os gatos se viram repentinamente para observar outro ponto? Bom, isso pode indicar que eles cheiraram ou ouviram alguma coisa nova. Até porque seus os órgãos sensoriais são mais desenvolvidos do que em humanos.

3. Como o camaleão muda de cor?

Uma equipe de cientistas na Universidade de Genebra (Suíça) observou que os camaleões possuem uma camada de células epiteliais que contêm nanocristais intitulados "flutuantes".

Estes são relativamente bem distribuídos dentro da matriz celular, de maneira a refletir a luz em comprimentos de onda diferentes na proporção de afastamento ou aproximação. Esse é um dos enigmas de infância que já foram respondidos pela ciência.

4. Por que às vezes ficamos menos cansados quando dormimos por um curto período de tempo?

De fato, o bem-estar depois de acordar não depende apenas de quantas horas você dormiu. É possível sentir-se cansado, mesmo após um longo período de sono, se você se alimentou mal e bebeu muito café no dia anterior.

Além disso, um sono demorado não te ajudará o suficiente se você for dormir tarde da noite. O corpo não consegue sintetizar a melatonina no tempo apropriado, o que pode levar a uma variedade de distúrbios. É melhor ir para a cama antes da meia-noite (a tolerância é de uma hora). A propósito, o esporte é capaz de proporcionar boa saúde após o sono, mesmo se só for possível dormir menos de 8 horas.

Se você quiser relaxar durante o dia, você deve dormir entre 13 a 15 horas, e não mais do que 30 minutos. O sono prolongado durante o dia é prejudicial porque dificulta o processo de "retorno".

5. Por que sentimos o estranho déjà vu?

Freud acreditava que esse era o rastro de uma lembrança esquecida que nos traumatizou ou de um desejo secreto muito forte. Os neurocientistas modernos acreditam que essa é uma disfunção de curto prazo no funcionamento de várias partes do cérebro, às quais o estresse, a fadiga ou a intoxicação podem levar.

O cérebro fica confuso e considera as novas impressões familiares. Além disso, a situação pode parecer repetitiva quando se assemelha a alguns eventos armazenados na memória.

6. O que é a mancha que aparece em nossas visão quando olhamos diretamente para a luz?

Estes são os chamados "pontos cegos". Quando uma luz brilhante é direcionada para os nossos olhos, ocorre uma sobrecarga temporária nos fotorreceptores da retina.

Eles não podem reagir a qualquer outra coisa durante um curto período de tempo e, após se recuperarem com a ajuda destes "pontos", acabam reproduzindo a luz que vemos. Esse é um dos enigmas de infância que já foram respondidos pela ciência.

7. Ovo ou a galinha?

Do ponto de vista da teoria de Darwin e dos biólogos modernos, o ovo apareceu primeiro. O fato é que um indivíduo, que ao longo dos anos evoluiu para uma galinha, não poderia aparecer por si só: o nascimento da vida ocorre no óvulo. Com o tempo, o antigo pássaro acabou se transformando em uma galinha.

Solucionamos alguns mistérios de sua infância? Já sabia de alguns destes fatos? Comente e deixe-nos conhecer um pouco mais sobre você. Estamos aqui pelo o seu feedback.

Próxima Matéria
Bruno Destéfano
Escritor, fotógrafo e jornalista // Deixe que o conhecimento te revolucione de dentro para fora.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+