7 hábitos que podem prejudicar o cérebro
Tempo de leitura:2 Minutos, 50 Segundos

7 hábitos que podem prejudicar o cérebro

cérebro é, sem dúvidas, um dos órgãos mais importantes, complexos e incríveis do corpo humano. Ele é o responsável por tudo que fazemos. Pela forma com que percebemos o que está em nossa volta, por guardar informações, por desenvolver sentimentos, enfim, são inúmeras suas funções. É tão verdade que, se alguma coisa estiver errada, por menor que seja, podemos ter grandes problemas.

Assim como acontece com o resto do corpo, o nosso estilo de vida influencia diretamente na qualidade de vida do cérebro. Existe um motivo para você se sentir constantemente cansado, viver esquecendo as coisas, ou então ter dificuldades para se concentrar e dor de cabeça.

Vários fatores podem afetar a saúde do cérebro. Vários estudos já mostraram que a forma como a pessoa leva a vida pode danificar as células cerebrais e as funções que elas realizam. Isso pode levar ao desenvolvimento até de doenças degenerativas. Mostramos aqui alguns hábitos que temos que podem ser prejudiciais para que você os repense e evite.

1 – Não tomar café da manhã

Praticamente todo mundo já ouviu falar que o café da manhã é a refeição mais importante do dia. E isso não é por acaso. Já que é nas primeiras horas do dia que o cérebro precisa de nutrientes para continuar coordenando os processos fisiológicos depois do jejum que foi submetido durante o sono.

Se a pessoa não come no começo do dia, o cérebro irá começar a usar as reservas e terá que fazer um esforço excessivo para manter seu funcionamento pleno.

2 – Sedentarismo

Não fazer exercícios físicos também pode acabar comprometendo o funcionamento normal do cérebro a médio e longo prazo. E a prática de exercícios físicos facilita no aprendizado, melhora o humor e previne déficit de memória e raciocínio que são associados ao envelhecimento.

3 – Beber muito café

O café pode ser benéfico para a saúde, mas em excesso pode prejudicar. Isso porque ele inibe a atividade de um neurotransmissor que funciona como um dos tranquilizantes naturais que ficam no cérebro. Consequentemente isso causa insônia.

E a combinação de diuréticos e estimulantes sobrecarregam o cérebro. Isso pode provocar dores de cabeça, além de gerar uma inquietação, nervosismo, irritabilidade e ansiedade.

4 – Fumar

A nicotina também é bem prejudicial para o cérebro. Ela restringe o fluxo de sangue e o fluxo regular de glicose e oxigênio.

5 – Ouvir música alta

Quando gostamos de uma música temos vontade de aumentar o volume no máximo. Mas a música alta pode afetar a memória e a aprendizagem. Ela também pode lesionar células do cérebro. Isso porque os decibéis elevados estão ligados a uma ligeira perda de tecido cerebral, e isso pode acabar comprometendo o funcionamento do cérebro.

6 – Não dormir

O sono é importantíssimo para o corpo como um todo, e também para o cérebro. Se privar do sono acaba acelerando a morte das células cerebrais e faz com que as pessoas se mantenham cansadas e de mau humor durante o dia todo.

7 – Álcool em excesso

Assim como o café, as pessoas gostam de beber bebidas alcoólicas. Contudo, por mais que a sociabilidade beneficie o cérebro, o álcool prejudica. Existe uma relação direta entre o consumo de bebidas alcoólicas com o declínio cognitivo precoce.

Além disso, o álcool também interfere nas reações químicas que acontecem no cérebro. E o alcoolismo provoca a morte dos neurônios e diminui a velocidade de transmissão dos impulsos nervosos entre eles.