7 teorias conspiratórias que vão derreter seu cérebro

POR Pietro Bottura    EM Terror & Sobrenatural      20/10/14 às 20h09

Se você acha que tudo é preto no branco, explicado na escola, certinho como te apresentam: bem vindo ao Fatos Desconhecidos, provavelmente é sua primeira vez aqui. Afinal, leitor nosso sabe que bizarro é diminutivo pras coisas bem reais que acontecem dentro e fora de nosso planeta, mas a explicação e interpretação delas cabe a nós, meros mortais de inteligência limitada. Mas e se fôssemos imortais, como o pessoal da Cientologia, ou sortudos de mentira, como as 200 pessoas que, juntas, ganharam mais de 9 mil vezes na Loteria? Pois é, e esse é só o começo. Se você quer

A morte de JFK

jfk_large_0

Pra quem é brasileiro e jovem pode não significar muita coisa, mas o então presidente americano John Fitzgerald Kennedy era, supostamente, contra guerras, e os EUA, como bem se sabe, adoram usar esse artifício quando a economia vai mal. Por essa razão, teria se tornado um inimigo da CIA, especialmente ao (supostamente) ter vetado a Operação Northwoods, que usaria atentados terroristas e outros tipo de ação bélica para iniciar uma guerra com a Cuba comunista. Impressionado negativamente com o caso, Kennedy teria tentado restringir o poder da CIA, para evitar ações como essas. Logo depois, veio o seu estranho assassinato, atribuído ao ex-soldado Lee Oswald e à "bala mágica". Isso porque o rifle de Oswald só havia dado três tiros, mas quem gravou a passeata onde o atentado ocorreu podia distinguir claramente 4 disparos no áudio, além dos corpos do presidente e de quem estava no carro presidencial estarem mais furados que um queijo suíço.

A explicação dada é considerada uma piada diante do cenário forense do crime, considerando os trajetos e balística. Sabendo-se que, dos três tiros disparados, um errou e acertou um pedestre e o outro acertou a cabeça de JFK, como haviam sete outros ferimentos nos corpos? Uma mesma bala precisaria ter entrado por trás do pescoço de Kennedy, saído pela frente, virado à direita, à esquerda, entrar nas costas do governador Connally, sair pelo seu peito, atravessar seu pulso direito e terminar na sua perna esquerda. Plausível? É a versão oficial da CIA até hoje.

Jogo dos Illuminatis

assange-inwo

Criado por Steve Jackson em 1990, esse jogo de tabuleiro chamado INWO tem uma mística bastante estranha ao redor de si. Isso porque, apesar de ter sido lançado em 1995, tem diversas cartas que contam histórias como o ataque às Torres Gêmeas e ao Pentágono, nos EUA, que só aconteceriam quase 10 anos depois.

Dizem as lendas que Jackson seria um ex-Illuminati, ordem secreta que visa dominar o mundo, e teria feito as revelações secretas que possuía através do formato de um jogo para não chamar a atenção da Ordem. Entre outras cartas, está uma chamada "Backlash", que mostra um presidente negro sendo condenado pelo "fracasso de seu país". Outra, com uma figura muito parecida com Julian Assange, chama-se "and STAY dead!", que significa "e CONTINUE morto!", e serve para destruir totalmente um "grupo" inimigo. Por acaso, Assange é um delator que ajudou bastante a desmoronar informações da espionagem dos EUA. Coincidências? Só o tempo dirá.

Cientologia

tom-cruise-filmes-de-sucesso_02

Você acha que é difícil entrar para o mercado de Hollywood? E se disséssemos que, na verdade, você só conseguiria se fosse imortal? Bom, é isso que a teoria da conspiração sobre a Cientologia diz. Com diversos "casos" famosos, como o que diz Keanu Reeves seria imortal, o que é comprovado por diversas fotos que ele mesmo têm em suas mansões. Outro fato estranho foi uma declaração de David Miscavige, um dos líderes da Cúpula da Cientologia que afirmou que Tom Cruise era venerado entre eles por ser "o pai de Ron Hubbard, o criador da Cientologia", que por acaso nasceu em 1911. Quer mais? Uma foto de um sósia de Nicolas Cage, de séculos atrás, foi comprada por milhões por um "comprador misterioso" no Ebay, que afirmou que o item seria usado "para sua investigação" e que Hollywood estaria "cheia de vampiros".

Como deu pra perceber, a teoria é de que as estrelas de Hollywood seriam na verdade imortais de alguma forma, que renovariam seus corpos após ciclos de vida humanos - mais ou menos 80 anos - e teriam decidido sair do anonimato para serem adorados. Bom, deu certo, exceto pro Tom Cruise, que nos últimos anos não tem sido exatamente muito querido ou famoso.

Câncer e AIDS

cancer

Alguns dos maiores males da humanidade, geralmente citados como exemplo para quem quer ser um grande cientista: "vou descobrir a cura para o câncer" é uma frase motivacional clássica. Entretanto, existem quem diga que a cura já existe há décadas. Isso porque, em 1998, durante a 12ª Conferência Internacional da Aids, em Genebra, diversos pesquisadores e laboratórios apresentavam vacinas e curas para a o HIV. Mas nada saiu na Science, nem foi catalogado. Pouco tempo depois, uma possível explicação: os coqueteis contra AIDS são extremamente caros e lucrativos para as empresas, tornando-se uma dependência para os doentes, muito "melhor" do que a cura, para quem lucra em cima dos remédios.

A mesma lógica é aplicada para o câncer, que teria, nos anos 90, encontrado sua cura através de moléculas artificiais que "grudariam" nas células cancerígenas e, com radiação, poderiam ser bombardeadas sem afetar o resto do corpo. Pedimos desculpa para quem tem familiares ou conhecidos com essas doenças, e sabemos que elas não são alvo para brincadeira, mas parem e pensem um pouco: por que não poderia ser verdade, nesse mundo onde o tabaco e o álcool, que causam milhões de mortes, são liberados? Quem lucra com a enfermidade dos viciados, ou, no caso dessa teoria, dos doentes?

Energia grátis

Tesla_colorado

Ah, o que seria da vida sem eletricidade? Da internet ao microondas, grande parte da vida moderna depende totalmente desse recurso "semi natural", já que não é possível pegar a energia de algum lugar, mas sim concentrá-la através de recursos eletromagnéticos. E uma dessas possibilidades, elaborada por Nikola Tesla, era a de gerar energia infinita e gratuita, algo que com certeza seria incrivelmente prejudicial para as indústrias de combustíveis e eletricidade, em geral andando de mãos dadas com o governo. Por isso, em 1943, logo após Tesla ter supostamente construído os capacitores que permitiriam a captação de eletricidade dessa forma, sua casa teria sido invadida pelo FBI ou alguma organização semelhante, e todas suas invenções confiscadas.

Tesla, anti-capitalista convicto, que morreu pobre, havia teorizado a chamada "bobina de Tesla", que contraria as leis de conservação energética da termodinâmica, sob as quais tudo que mexe com energia e que você conhece funciona. A sua bobina, entretanto, supõe a capacidade de ter um gerador que receba X energia e devolva (X + 1) energia, ou seja, que seria eficientemente capaz de produzir eletricidade! Se essa bobina existe ou não, não sabemos dizer, mas a empresa mais rica do mundo atualmente, segundo a Forbes, chamada "Jp Morgan", foi quem comprou as patentes do cientista.

Big Brother

big-brother-is-watching-you_136593

Você pode não saber, mas o nome do programa do Pedro Bial parte de uma premissa que por si só torna o espetáculo da Globo uma grande ironia: Big Brother (ou Irmão Grande Irmão) é o nome criado por George Orwell em seu livro ficcional, 1984, que retrata o ditador de uma sociedade futurista microscopicamente vigiada, aos melhores moldes de um encontro entre Hitler e a tecnologia das webcams.

Apesar disso, como bem sabemos, graças a nomes como Julian Assange e Edward Snowden, é que a vigia feita por órgãos governamentais não é exatamente imaginária, não, e pode até estar bem longe disso. De acordo com as teorias conspiratórias, as webcam integradas em tevês digitais, celulares e computadores, por exemplo, seria uma via de mão dupla, permitindo também que sejamos vigiados. Inclusive, bem longe de teorias da conspiração, vários hackers já fazem isso, o que pode ser provado pelo recente boom de casos de fotos de celebridades vazando na internet. Some isso ao GPS, rastreamento por satélite, biometria e chips: um futuro terrível para se construir na mente, e pior ainda quando lembramos que é uma realidade.

Loterias são uma farsa

LOTOFÁCIL FACIL FACIL

Que jeito melhor que esse pra lavar dinheiro e arrecadar impostos com todo mundo ainda achando bom? Antes dos computadores, o método seria usar bolas magnetizadas ou simplesmente mais pesadas para alterar os sorteios, mas, com computadores, chega ao ridículo a facilidade para manipular sorteios: basta selecionar números que ninguém apostou, e, esporadicamente, liberar um ou outro prêmio gratuito pra não levantar muitas suspeitas.

Afinal, você nunca achou estranho que os ganhadores dos prêmios milionários são sempre moradores de cidades pequenas ou do DF, que na maioria das vezes ninguém jamais ouviu falar? E o fato de que diversos políticos, como o ex-deputado João Alves, já ganharam 4 ou mais vezes na loteria?

Que tal então um grupo de 200 pessoas que havia ganhado na Loteria da CEF mais de 9095 vezes, entre março de 96 e fevereiro de 2000, somando mais de 64,8 milhões de Reais.

E, pra fechar, vamos te lembrar que as loterias, que existem em praticamente todo país que considera a jogatina e os cassinos ilegais, é gerenciada por ninguém menos que o governo. Fez sentido agora ou quer que desenhe?

 

 

Pietro Bottura
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+