• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 vezes em que Hollywood copiou ideias de animes

POR Raul Martins    EM Fatos Nerd      17/07/18 às 15h35

Quem nunca ouviu a frase "nada se cria, tudo se copia", ou então a famosa frase de Pablo Picasso "bons artistas copiam, grandes roubam"? Para os criadores de filmes, desenhos, séries e animes, essas frases fazem bastante sentido. Mas isso não quer dizer que a cópia seja sempre algo ruim. A inspiração é extremamente saudável, afinal o que funcionou uma vez irá funcionar novamente - talvez até de forma melhorada.

A popularidade dos animes está cada vezes maior, principalmente na América do Norte. Sabendo disso, vários criadores da indústria cinematográfica de Hollywood acabam se inspirando nas obras dos japoneses. Para provar essa afirmação, resolvemos criar uma lista de 7 vezes em que Hollywood copiou ideias de animes.

1- Cisne Negro e Perfect Blue

O diretor de Cisne Negro, Darren Aronofsky, é dono dos direitos autorais de Perfect Blue. Ele comprou os direitos de Satoshi Kon especificamente para utilizar uma cena do anime em seu filme. Posteriormente, o diretor afirmou que a influência da animação foi usada inconscientemente e que sua principal inspiração, na verdade, foram os primeiros thrillers de Roman Polanski.

2- A Origem e Paprika

Dirigido por Christopher Nolan, A Origem tem muitas referencias do filme de Satoshi Kon (olha ele de novo), Paprika. A trama do anime aborda uma tecnologia que permite ao usuário entrar no sonho de outras pessoas. Nolan sempre foi bem direto ao falar sobre suas fontes de inspiração. A personagem Ariadne, do filme Paprika, serviu sim como principal inspiração para a arquiteta de A Origem, interpretada por Ellen Page. Entretanto, as duas obras também se diferenciam em vários aspectos. Enquanto o filme de Nolan mostra os sonhos de maneira mais realista, o filme de Satoshi acaba voltado pro surrealismo.

3- Poder sem limites e Akira

Considerado um dos grandes clássicos japoneses, Akira foi criado por Katsuchiro Otomo. O mangá se tornou uma animação e foi lançado e distribuído para todo o mundo em 1988. A fama é tanta que a obra sempre circula pelos estúdios de Hollywood em busca de uma adaptação decente para o cinema. O problema de querer adaptar Akira é o orçamento, principalmente na parte visual. O jeito então é roubar elementos do anime para criação de filmes originais. Poder sem Limites é um exemplo disso. O personagem Andrew é claramente Tetsu, só que americanizado.

4- Looper e Akira

Como dito acima, Akira é uma obra muito improvável de ser transformada em live-action pelo orçamento que ela exigiria. Assim como Poder sem Limites, o filme Looper também tem elementos da obra de Katsuchiro. O antagonista Cid com poderes fora do normal é claramente mais uma influência de Akira. O diretor de Looper, Rian Johnson, além de afirmar a grande influência do anime no longa, também contou que utilizou outro mangá do mesmo autor, anterior a Akira, como influência em seu filme, Domu: A Child"s Dream.

5- Matrix e Ghost in the Shell

Antes do mangá de Masamune Shirou virar um longa-metragem em 2017, Ghost in the Shell serviu de inspiração para um dos grandes filmes do cinema norte americano. Alias, não apenas um, mas três: a trilogia Matrix. As irmãs Wachowski mostraram Ghost in the Shell para o produtor Joel Silver, com o intuito de recriar a obra em live-action, mas acabaram seguindo um caminho mais original. Mesmo tendo grandes diferenças, fica claro a semelhanças de ambas as obras no quesito ciberpunk e em outros elementos visuais.

6- Círculo de fogo e animes estilo mecha

Vários fãs afirmam que o filme de Guilhermo Del Toro é uma cópia do anime Neon Genesis Evangelion. Os pilotos de Círculo de Gogo de fato carregam várias similaridades com os pilotos EVA de Evangelion, mas a comparação acaba por aí. O próprio Del Toro afirmou nunca ter sequer visto o anime. Porém, fato curioso é que ambos, filme e anime, são obras com muita similaridade a clássicos animes japoneses do gênero MECHA. Se Evangelion é desconhecido por Del Toro, Giant Robo, Gundam, Patlabor e Gigantor certamente não são.

7- Rei leão e Kimba, o leão branco

Se de um lado a Disney afirma que rei leão não tem nada a ver com Kimba, outra parte da comunidade discorda, afirmando ser uma cópia total. O fato é que existem semelhanças e diferenças. Enquanto Kimba tem sua história baseada na relação entre natureza e o ser humano, Rei Leão tem sua história baseada em Hamlet. Entretanto a parte visual do filme é bastante semelhante à animação de Kimba, e isso não há como negar.

E aí, o que achou? Gosta de alguns destes filmes ou animes? Comenta com a gente!




Matérias selecionadas especialmente para você

Raul Martins
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+