Entretenimento

8 coisas que nunca te contaram sobre o Natal

0

É bem possível que não exista uma data comemorativa que mais afete o coração e o espírito das pessoas do que o Natal. Mesmo queja tradicionalmente uma festa cristã, a data é comemorado por pessoas de diferentes credos ao redor do mundo.

O evento é tão importante, que todo um cenário econômico próprio gira em toro dessas celebrações. Se o Natal, por algum motivo inesperado, viesse a acabar, uma verdadeira crise no mercado financeiro iria se instalar não só no Brasil, mas em todo mercado internacional que depende do Natal.

Pode parecer exagerado demais, mas essa foi só uma forma de começar a falar sobre algumas informações natalinas que certamente você não sabia.

1 – 25 de dezembro

1

A bíblia nunca menciona realmente o dia em que Jesus nasceu. Foi só a partir do século 4 que a Igreja Católica decidiu reconhecer que a data oficial do nascimento se deu em 25 de dezembro, instituindo o dia da comemoração do Natal.

2 – Temporada de crise

2

Apesar de ser a época que celebra o nascimento de Jesus, o Natal também é marcado por diversos fins. Segundo o Facebook, por volta de duas semanas antes do Natal é a época mais popular do ano para o fim de relacionamentos de casais. O exato dia do Natal, no entanto, é um dos que menos vê términos.

3 – Natal banido

3

Por um Ato do Parlamento em 1644, o Natal foi declarado ilegal na Inglaterra por conta do fato que era associado com folia e festas. A decisão obviamente levou a diversos conflitos e, quando puritanos deixaram o país para ir aos Estados Unidos, acabaram levando parte do preconceito com as celebrações.

4 – Natal banido outra vez

4

É difícil de acreditar, mas por quase duas décadas no século 17, o Natal era ilegal na terra que viria a se tornar os Estados Unidos, grande parte por influência dos puritanos que habitavam a região. Somente a partir de 1870 que o Natal passou a ser considerado um feriado internacional no país.

5 – Presépio

5

Um dos principais símbolos do Natal atualmente, o presépio não existia até 1224. Depois que retornou de Israel, São Francisco de Assis se inspirou em recriar o nascimento de Jesus com animais e outros personagens ao redor. Durante a primeira apresentação, a manjedoura era utilizada como um altar. A partir daí, a tradição se tornou um costume.

6 – Papai Noel

6

A figura do Papai Noel é inspirada no bispo São Nicolau, nascido por volta do ano 270, na pequena vila turca de Patara. Ele era conhecido especialmente por sua generosidade aos pobres. As lendas contam que ele distribuía presentes em algumas ocasiões, o que originou o mito do Papai Noel de diversas formas.

7 – Segunda Guerra Mundial

7

A cada ano que passo, parece que a temporada do Natal está cada vez maior com decorações sendo espalhadas por todos os lados bem cedo. Apesar da prática ser relacionada ao comércio, foi durante a Segunda Guerra Mundial que o natal foi realmente estendido. Isso porque as famílias precisavam enviar presentes para as tropas cedo para garantir que suas famílias recebessem a tempo.

8 – Velocidade máxima

8

De acordo com a UNICEF, existem cerca de 2,2 bilhões de crianças com menos de 18 anos no mundo. Se você fizer o cálculo, isso significa que o Papai Noel precisaria viajar mais de 350 milhões de quilômetros para visitar todas elas na véspera de Natal, precisando parar em cada casa por um tempo 5 mil vezes menor que um segundo para conseguir atender a cada uma delas.

Agora que já sabe dessas informações, pode entrar de verdade no clima de Natal!

Esse é o motivo pelo qual você deve parar de cruzar as suas pernas agora mesmo

Matéria anterior

14 imagens sombrias que te farão perder o encanto pelo mundo

Próxima matéria

Você também pode gostar

Comentários

Comentários não são permitidos