Ciência e Tecnologia

7 provas concretas do avanço tecnológico dos povos antigos

0

Muitas invenções mudaram o curso da história da humanidade ao longo das eras. Nós até podemos pensar que as grandes e significativas invenções vieram no século XXI, no entanto, nossos ancestrais há milhares de anos já tinham em mente algumas coisas, que até mesmo hoje, ainda são um mistério para nós.

Aqui na Fatos Desconhecidos já escrevemos sobre os 7 cientistas que foram cobaias de suas invenções e as 7 invenções que mudaram nossas vidas e foram descobertas por acaso. Hoje, listamos para vocês algumas provas de que os povos antigos já estavam muito à frente de seu tempo e já possuíam significativo avanço tecnológico. Confira!

1 – A bateria de Bagdá

The Baghdad Battery 1487962303 600x337, Fatos Desconhecidos

Alguns cientistas acreditam que a primeira bateria construída pelo homem teria sido feita por volta de 250 a.C., onde hoje está localizado o Iraque. Ela foi chamada de Bateria de Bagdá e foi encontrada nos arredores da cidade em 1938.

Ela é composta por um jarro de barro com tampa e dentro dele uma barra de ferro com um cilindro de cobre acoplado. O recipiente é preenchido com vinagre ou outro líquido eletrolítico. O que acaba produzindo de 0,8 a 2 volts de eletricidade, de acordo com que foi obtido em réplicas.

2 – As cavernas Longyou

Post 07 01 1 600x359, Fatos Desconhecidos

Nos primórdio da humanidade, nossos ancestrais muitas vezes precisavam se esconder de seus inimigos e demais ameaças, como clima e outros animais, dentro de cavernas. Em 1992, Zhejiang, na China, foram descobertas uma série de 24 grandes cavernas construídas puramente pelo trabalho humano.

As cavernas datam de 500 a 800 a.C. Esculturas de cavalos, pássaros e peixes ornamentam as simétricas paredes e cômodos, fazendo uma espécie de homenagem às coisas da natureza como o mar, o ar e a terra. No entanto, ninguém de fato sabe quem as construiu.

3 – A lente de Nimrud

The Nimrud Lens 1487962303 600x338, Fatos Desconhecidos

A peça construída em cristal de rocha tem cerca de 3.000 anos de idade e teria sido esculpida durante o Império Assírio, entre 750 e 710 a.C. Cientistas e pesquisadores acreditam que o artefato era utilizado como uma espécie de lupa ou até mesmo como parte de um antigo telescópio.

4 – Detector de terremotos chinês

Drevnij Kitajskij Sejsmograf 600x420, Fatos Desconhecidos

O sismógrafo só foi inventado em 1841, por um físico escocês. Entretanto, os chineses teriam criado uma máquina que supostamente conseguia detectar os terremotos em qualquer parte do reino, durante a dinastia Han entre 25-220 d.C, pelo cientista Zhang Heng.

O aparelho era composto por um grande vaso de bronze, medindo quase um metro de comprimento e cerca de 80 cm de diâmetro. Como o dispositivo de fato funcionava, nunca chegou a ficar bem esclarecido para os cientistas. Porém, eles acreditam que um tremor poderia fazer com que algo no centro do aparelho alertasse para o acontecimento.

5 –  Göbekli Tepe

Gbekli Tepe 1487962304 600x338, Fatos Desconhecidos

Göbekli Tepe é o local de construção mais antigo da humanidade. Localizado no sudeste da Turquia, o lugar pode representar o mais antigo templo já criado. Ele teria sido construído há cerca de 12 mil anos e apenas pedras foram utilizadas em sua construção.

Inicialmente, os pesquisadores acreditavam que o local fosse um antigo cemitério. No entanto, após análises mais detalhadas, eles concluíram que o lugar, construído cerca de 6 mil anos antes do Stonehenge, seria provavelmente local de cerimônias e de ritos espirituais.

6 – Cálice de Licurgo

Calice 600x285, Fatos Desconhecidos

Este objeto possui cerca de 1600 anos e atualmente se encontra sob custódia do Museu Britânico. O objeto é conhecido pela variação de sua cor conforme é exposto à luz e pela possibilidade do efeito ser produzido por nanopartículas, colocando os romanos muito à frente de seu tempo.

Quando iluminado pela parte de trás, sua cor muda, se tornando vermelho. Quando iluminado pela frente, tem a cor verde. Após análise, os cientistas concluíram que partículas de prata e ouro com cerca de 50 nanômetros de diâmetro compunham o cálice. E seriam as responsáveis pelo efeito das cores no objeto.

7 – Máquina Térmica de Heron

No século I d.C., Heron de Alexandria inventou uma máquina que foi descrita como um “motor a vapor”, embora seu uso para a época ainda seja algo desconhecido. Um esfera oca, que é abastecida por água e posteriormente aquecida produzindo vapor, o resulta no movimento.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

7 vezes que a publicidade brasileira foi longe demais

Matéria anterior

7 drogas bizarras que você nunca ouviu falar

Próxima matéria

Você também pode gostar

Comentários

Comentários não são permitidos