Ciência e Tecnologia

Asteroide de 5 quilômetros vai passar muito próximo a Terra antes do Natal

0

Estamos constantemente à beira de um desastre, seja natural ou criado. O universo tem o seu próprio modo de manter os humanos no seu devido lugar. Mesmo que estejamos frequentemente tentando nos elevar as condições naturais. Para sustentar o poder da natureza, os vulcões, terremotos e furacões compõem uma parcela de culpa na destruição de muitas cidades e povoados. Então, por que não adicionar algo ainda maior para essa lista? Algo do espaço?

Para se juntar a essa lista temos até asteroides. O Natal está se aproximando e o 3200 Phaethon também. A rocha mede cinco quilômetros de diâmetro e deve cruzar com a Terra. Apesar de não termos que nos preocupar com ela, a rocha vai passar muito perto do nosso planeta no dia 16 de dezembro. Afinal, apesar de se acreditar que ele não atingirá nosso solo, os cientistas o classificaram como um “Asteroide Potencialmente Perigoso”, quando ele foi descoberto em 1983.

Explicações

De acordo com o diretor interino do Minor Planet Center, Matthew Holman, o termo utilizado para se referir ao asteroide é exagerado. De acordo com ele, é possível que a órbita do asteroide mude a ponto de causar uma colisão com a Terra, mas isso é algo que demoraria centenas ou milhares de anos. Sendo um possível problema no futuro, mas não agora.

Holman afirma que os cientistas acompanham e modelam qualquer rocha com algum tipo de potencial perigoso. Como o caso da 99942 Apophis que gerou um certo medo nas pessoas a uma década. Ele pontua que agências como a NASA são projetadas para se preocupar com esse tipo de coisa. Por isso, caso o asteroide representasse um risco eles soltariam o alerta.

Sobre o asteroide

No momento em que o asteroide for passar pela Terra, ele vai estar a pouco menos de 10,4 milhões de quilômetros de distância. Isso corresponde a mais ou menos 1/5 da distância existente entre a Terra e Marte, em seu período mais próximo. Apesar de Marte estar muito distante de nós, ainda é possível vê-lo através de um telescópio. A sua próxima passada pela Terra será em 2050. Em 2093 o asteroide 3200 Phaethon estará a 2,97 milhões de quilômetros de nós. Sendo 7 vezes a distância que temos entre a Lua.

Ele é o terceiro maior Asteroide Possivelmente Danoso, sendo os outros dois o 53319 1999 JM8 (7 km de extenção) e o 4183 Cuno (5,6 km). O 3200 Phaethon também é responsável por produzir uma chuva de meteoros na Terra, chamada de Geminids.

Um detalhe sobre o Thanos tem incomodado os fãs da Marvel

Matéria anterior

8 excelentes motivos para você conhecer a Suíça

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.