Como calcular a verdadeira idade do seu cachorro?

POR A redação    EM Ciência e Tecnologia      09/08/14 às 14h32

Muita gente acha que para calcular a idade real de um cão basta pegar a idade dele e multiplicar por 7. Mas a verdade é que não é tão simples assim, as raças são diferentes e essas diferenças refletem também na idade do seu pet.

A BBC criou um estudo relacionado a isso e definiu os seguintes fatores como importantes na hora de calcular a idade do animal:

  • Cada raça tem uma velocidade diferente de avançar os anos
  • Cada raça demora um tempo diferente em cada etapa da vida (juventude e vida adulta)
  • Cachorros de raça pequena tem um período curto de juventude e uma longa vida adulta
  • Cachorros de raça grande são o oposto, demoram cerca de dois anos para adquirir totalmente sua forma adulta e então, vivem cerca de mais 4 ou 5 anos
  • Cachorros de raças pequenas vivem mais do que cachorros de raças grandes

Para calcular a idade real dos cães utilize esses multiplicadores:

Para os dois primeiros anos de vida:
Cachorros pequenos: multiplicar cada ano por 12,5
Cachorros médios: multiplicar cada ano por 10,5
Cachorros grandes: multiplicar cada ano por 9

A partir do terceiro ano de vida, acrescentar mais essa multiplicação:
Cachorros pequenos (multiplicar cada ano por): Lhasa Apso 4,49 / Shih Tzu 4,78 / Chihuahua 4,87 / Beagle 5,20 / Cocker Spaniel 5,55 / Pug 5,95 / Buldogue Francês 7,65

Cachorros médios (multiplicar cada ano por): Labrador Retriever 5,74 / Golden Retriever 5,74, Staffordshire Bull Terrier 5,33

Cachorros grandes (multiplicar cada ano por): Pastor Alemão 7,84 / Boxer 8,90

Calculadora facilitada

Achou complicado? Calma! Um site chamado Portal Dog resolveu facilitar essa tarefa para você e criou uma calculadora automática. Lembre-se de colocar os dados corretamente.

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+