• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Conheça o homem esquecido por trás da Teoria do Big Bang

POR Toni Nascimento    EM Ciência e Tecnologia      25/02/19 às 18h26

Albert Einstein é um dos grandes (senão o maior) nomes da história da Física, e portanto, da ciência. Você pode até não ser um grande conhecedor da teoria da relatividade, porém, ao menos sabe um pouco do seu criador. Como grande estudioso, Albert Einstein também admirava outros cientistas, inclusive contemporâneos da sua época. Um deles era Georges Lemaître.

Você já escutou sobre Georges Lemaître ou estudou algo sobre ele? Provavelmente não, e isso é comum. A primeira coisa que você precisa saber sobre este sujeito é que ele foi um dos nomes essenciais por trás da teoria do Big Bang. Isso não é suficiente para você? Tudo bem, vou despertar sua curiosidade: ele fazia a união da ciência e da religião, uma vez que também era sacerdote.

 O astrônomo que era sacerdote

Georges Lemaître nasceu em 1894, na Bélgica. Sua trajetória é, no mínimo, interessante. Primeiro, ele foi um dos combatentes na Primeira Guerra Mundial, em seguida se formou em Matemática e Filosofia na Universidade Católica de Leuven. Por último, ele foi consagrado sacerdote. Ele conseguiu estudar no Observatório de Harvard enquanto, ao mesmo tempo, ganhava seu PhD. em Física. Admita, você custa conseguir trabalhar e estudar ao mesmo tempo, não é mesmo? Georges Lemaître realmente era um cara multifuncional.

O cientista (e sacerdote, é bom lembrar) escreveu um artigo que pode ter mudado de vez a ciência e a astrologia para sempre. Ele publicou o artigo Um Universo Homogêneo de Massa Constante e Raio Crescente representando a Velocidade Radial de Nebulosas Extra Galácticas. Nesse texto científico, ele se debruçava sobre nada menos do que a constante expansão do universo. Mas ao publicar o seu artigo, ele percebeu que estava faltando algo: se o universo está se expandindo constantemente, em que momento isso começou?

Isso levou o homem à escrita de um novo texto (que você pode ler aqui, em inglês), chamado "O dia sem ontem", no qual começa a plantar as ideias iniciais do Big Bang. Mais tarde, com o reforço de outros cientistas, aquilo viria a se tornar oficialmente a teoria do Big Bang.

Por que ele não ganhou reconhecimento?

Mas se o cara é praticamente o pai do Big Bang, como ele não ganhou reconhecimento? Acontece que o seu texto, de 1927, apesar de revolucionário, aconteceu em uma época desfavorável para o cientista. Isso porque a astronomia não era considerada parte da Física na época. Isso tornava o seu trabalho inelegível para o Prêmio Nobel, que costuma dar visibilidade para esses estudiosos.

Mas também não foi só isso. Georges Lemaître focava na Matemática para provar seu ponto de vista. Enquanto isso,  Edwin Hubble recebeu todo o crédito, simplesmente porque foi capaz de fornecer a base de observação para a teoria bem mais matemática do sacerdote. As coisas que devemos a Lemaître incluem a Lei de Hubble e a Constante de Hubble, bem como a ideia de que o universo está se expandindo.

Para completar, outra dificuldade para a popularidade de Georges Lemaître é o fato de a comunidade científica não querer elevar uma teoria feita por um sacerdote, para não bater de frente com a igreja católica. Pelo menos ele era admirado por Einstein, e isso já não é pouca coisa.

E aí, o que você achou dessa matéria? Conhece o cientista sacerdote? Comenta aqui com a gente e compartilha nas suas redes sociais. Para você que já está reunindo mais informações sobre esse cara, aquele abraço.

Próxima Matéria
Via   Curiosity  
Imagens BBC
Toni Nascimento
Nerd, mas principalmente amante do cinema. Mais em @nascimento_toni
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+