Curiosidades

Empresa vai pagar para pessoas dormirem 9 horas durante 100 dias

0

Dormir é algo tão bom, mas tão bom, que, às vezes, nem dá para acreditar que é de graça. Mas além de ser bom, também é essencial para a nossa vida. Todos nós precisamos dormir, e dormir bem. E nada na vida, substitui um bom sono. Então, procurando formas de entender melhor como funciona o sono humano, uma empresa indiana está realizando um detalhado estudo do sono, e está à procura de pessoas dispostas a fazer, nada mais nada menos, do que dormirem. Isso mesmo, apenas dormir. E a empresa está disposta a pagar para as pessoas fazerem o que elas já iriam fazer de qualquer jeito. Ou seja, esse é o emprego dos sonhos de muita gente, literalmente.

Todo mundo gostaria de ser pago para fazer o que mais gosta, seja jogar videogame, pintar, escrever, praticar um esporte ou simplesmente dormir. Então, se alguém tivesse a oportunidade de receber para dormir, muita gente aceitaria essa proposta tentadora. Depois disso, ninguém nunca mais vai poder dizer que dormir não dá futuro. Se você ficou interessado, já prepara as malas porque a Índia te espera.

O estudo

O trocadilho “trabalho dos sonhos” nunca foi tão fiel à realidade. A empresa indiana Wakefit é uma startup de soluções para dormir, e está à procura de estagiários, interessados em contribuir com o novo estudo sobre o sono. Nesse caso, os estagiários não irão servir cafezinho e tirar xerox de documentos, eles irão participar de algo mais importante e bem mais fácil. Tudo o que a Wakefit precisa é que seus estagiários durmam nove horas por noite, todas as noites, por 100 dias.  É o melhor de tudo, não é um estágio não remunerado.

Para dormir bem, e o necessário todas as noites, a empresa pagará aos estagiários um 1 lakh, cerca de US$ 1.400. Com o atual preço do dólar, em reais, isso seria cerca de R$ 5.750. Nada mal para algo que já faríamos de qualquer jeito.

O problema, nesse caso, é que, como é um trabalho do sonhos de muita gente, ou seja, muitas pessoas estão em busca de uma vaga, para participar desse estudo. Então, como uma forma de selecionar e filtrar os interessados, há uma série de requisitos e qualificações que, talvez, você não preencha.

O estágio

Para começar, um diploma concluído em qualquer campo de estudo é exigido. Ou seja, você precisa ter um curso superior completo. Nesse ponto, ter um histórico de adormecer nas aulas, pode ser uma experiência relevante para os avaliadores. Os outros requisitos podem ser um pouco mais complicados para muitas pessoas. Um histórico demonstrado de priorizar o sono, em detrimento das mídias sociais, pode ser onde a maioria das pessoas serão descartadas. Afinal, hoje em dia, quase todo mundo prioriza mais o smartphone do que o sono.

Porém, a maior desvantagem de todas é que a vaga de estágio exige que os candidatos morem na Índia. Até porque a empresa está sediada lá. Mas, em nenhum lugar, está declarado que as pessoas não possam viajar até a Índia para participar do estudo. Porém, se você viajar até lá, arcar com passagens e acomodações, estaria pagando para dormir, ao invés de estar recebendo. Então, não seria uma escola muito sensata. É uma ótima oportunidade para os indianos.

Mas bem que alguma empresa brasileira poderia pensar em algo semelhante, não é mesmo? O que você acha?

7 truques mais usados pela Rússia na guerra da informação

Matéria anterior

Conheça qual é a profissão que mais cresce no mundo e paga até 665 mil reais

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos