Fatos Nerd

Filho do Wolverine acaba de se tornar um novo tipo de Venom

0

Em 2017 a Marvel Comics anunciou seu Venomverse, uma minissérie em cinco partes na qual o simbionte toma conta geral do cenário. Na história, Venom vai além de Eddie Brock e Peter Parker e possui diversos personagens da editora. No evento mais recente, sua última vítima foi Jimmy Hudson, o filho do Wolverine. O personagem tem basicamente os mesmos poderes que o pai. Ou seja, considerando todas as habilidades que ele possui, o simbionte está mais perigoso do que nunca à solta. Possuído por Venom, Jimmy deixa a raiva tomar dominar o corpo e seu temperamento logo se transforma.

Com sua personalidade alterada, ele passa a ser conhecido por outro nome: Poison. Este simbionte é diferente do Venom conhecido pelos leitores até então. Ele faz parte de uma nova raça, autodenominada Poisons. Jimmy agora terá de enfrentar um problema do qual nem mesmo Wolverine já passou. Quando esse simbionte possuiu Jean Grey, com seus poderes telepáticos, ela foi capaz de quebrar o controle do Poisons. Com isso, ela também conseguiu erradicar os outros parasitas, com exceção do que estava em Jimmy. Aos poucos, o simbionte começou a tomar conta do mutante, substituindo suas memórias pelas deles.

Em X-Men #29, os X-Men conseguiram rastrear Jimmy, porém, ele já estava completamente tomado por Poison. Apesar disso, sua consciência ainda lutava para retomar o controle do corpo. No final de contas, tudo se ajeito. O arco serviu mais para um propósito de entretenimento. Apenas um caminho até o retorno de Wolverine.

A minissérie

A história tem o nome de Edge of Venomverse que no português ficaria algo como Limite de Venomverso. O quadrinho será composto por cinco edições e será escrita e desenhada por diversos artistas da Casa de Ideias. A história coincidiu com o evento das “capas venomizadas” e introduzirá o tema da simbiose em todo o universo Marvel.

Júlio Cocielo se envolve em polêmica racista e internet não perdoa [Atualizado]

Matéria anterior

7 formas de evitar problemas de pele apenas mudando a alimentação

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos