Entretenimento

Mineira de 12 anos salva gato que caiu em bueiro

0

Sem legenda nenhuma, as imagens parecem desesperadoras, pois passam a impressão de que uma adolescente está com o braço preso no bueiro. No entanto, a verdade é reconfortante: ela está salvando um gato que caiu naquele buraco e não consegue sair.

A heroína do caso é a adolescente Monique Nogueira, de apenas 12 anos. As cenas foram gravadas na semana passada, e em seguida, foram parar nas redes sociais. Até o momento, a publicação acumula 13,7 milhões de comentários e 860 mil reações. Porém, para a estudante, o maior resultado desse ato não são as métricas das redes sociais, e sim o novo companheiro que ela tem em casa.

Fonte: Redes sociais

Nenhuma vida gasta

Reza a lenda que todo gato tem sete vidas. Mesmo assim, Monique não queria que ele gastasse uma delas naquele dia letivo em frente a um colégio na região oeste de Belo Horizonte. Dessa forma, ao saber que o felino estava em apuros, sem pensar duas vezes, ela foi correndo para ajudar.

Então, ela se deitou no chão e enfiou o braço dentro do bueiro em que o gato estava. Enquanto isso, sua mãe segurava a sua cabeça, para que Monique conseguisse se firmar durante o resgate.

Ao ver as imagens do salvamento, pode-se ter a impressão de que a jovem heroína não vai conseguir trazer o felino à superfície. Porém, em uma ação rápida e sem alarde por parte dela, a garota agarra o gato com uma mão e o puxa para fora do bueiro.

Em seguida, ela levanta o animal para todo mundo se tranquilizar, o que de fato ocorre, menos com o gato. Isso porque o animal estava em um ambiente escuro e desconhecido, logo, ao ver aquele tanto de gente gritando de felicidade, ele se assustou. No vídeo, é possível perceber a tremedeira do felino durante as comemorações.

“Deitei no chão e minha mãe ficou segurando minha cabeça. Ele começou a escalar a parede do bueiro, comecei a puxar ele e ajeitar a minha mão para tirar ele de lá. Consegui, e levantei ele para todo mundo ver. Naquele momento resolvi adotá-lo”, Disse Monique ao G1.

Uma nova vida adicionada com sucesso

A partir de agora, além de conservar uma vida, o gato ainda conseguiu tem um novo lar. Isso porque, conforme a adolescente já adiantou, ele recebeu o acolhimento de Monique. Com isso, ele passou por todo o cuidado ao qual ele não tinha acesso enquanto estava nas ruas.

Logo após o resgate, a estudante levou o animal até um veterinário, o qual encontrou muitas pulgas no pelo do bicho. Sendo assim, a garota e sua família saíram do consultório direto para uma loja em que pudessem comprar remédios e ração.

“Compramos shampoo, ele estava cheio de pulga, bem sujo e fraquinho. Compramos ração também. Demos banho e levamos ele para casa, limpinho e sem pulgas”, relata ela.

Fonte: Bnews

Agora, o gato de um ano de idade está bem e aprendendo a se adaptar ao novo lar. De acordo com a dona dele, o pet é muito carinhoso: “Ele fica miando para a gente colocá-lo no colo, para gente ir lá ver ele, uma fofura”.

No momento, o único problema tem sido a adaptação com o felino de um ano que a família já tem. Por enquanto, ambos os gatos estão se acostumando com a convivência um com o outro. Nesse sentido, a jovem entende que esse processo é gradual e que no fim dará tudo certo.

Aliás, falando em velocidade, a jovem não acreditava que o vídeo do resgate iria chegar tão longe. No entanto, ela está aprendendo a lidar com a viralização do conteúdo. Inclusive, ela pretende abrir uma enquete virtual para escolher o nome do gato.

Fonte: G1

Apple terá que explicar risco causado por fones de ouvido

Matéria anterior

Idoso de 90 anos viraliza na internet com comemoração de “mesversários”

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos