Fatos NerdNotícias

Nova estratégia da DC no cinema é fazer filmes melhores

0

Depois de dois anos de análise, a justiça americana finalmente aprovou a fusão entre o grupo de telecomunicação AT&T com o conglomerado midiático Time Warner. Isso significa que várias mudanças estão a caminho, inclusive para a DC Entertainment. Ou, talvez, principalmente para ela. O cinema vive uma onda de filmes de super-herói e, por mais que a DC tenha alguns dos melhores do mundo, para muitas pessoas ela mostra apenas decepções. Com o fim da negociação, as mudanças já começam a acontecer e, agora, os fãs se perguntam qual o futuro dos heróis no cinema.

As séries com os personagens da editora na CW já sofreram alterações na equipe criativa. Para completar, especula-se que a plataforma de streaming deve ser lançada no final do ano. Titans, Patrulha do Destino, Monstro do Pântano e uma série animada da Arlequina farão parte de seu catálogo. Ou seja, nessa parte a DC parece ter encontrado a direção certa. O cinema, por outro lado, requer uma atenção maior. Liga da Justiça não foi frustrante por não terem feito um filme solo para cada personagem antes. Até porque Mulher Maravilha, Batman, Superman, Flash, Aquaman e até mesmo Cyborg dispensam apresentação. O filme foi frustrante por ser ruim mesmo e ter tido incontáveis problemas na produção.

Em uma conversa com a Entertainment Weekly, Toby Emmerich – presidente da Warner Pictures – comentou sobre a nova meta do estúdio. Ao ser questionado sobre os futuros lançamentos da DC, ele disse acreditar na funcionalidade de bons filmes. “Alguém disse uma vez que a melhor estratégia de negócio dentro da indústria cinematográfica era filmes de qualidade. Acredito que, em um mundo de Rotten Tomatoes e mídias sociais, tem se provado que quanto melhor o filme – particularmente no gênero super-herói – melhor sua aprovação. Não se pode esconder mais o bacon”, explicou.

Compromisso com a qualidade

Toby Emmerich está um pouco descrente do modo como a arte é apresentada atualmente. Ele acredita no período certo para cada tipo de apresentação artística. Cita ainda Aquaman como o filme ideal para o momento contemporâneo. Seja como for, em relação aos projetos cinematográficos da DC, o foco da empresa agora será o compromisso com a qualidade. Boa parte do futuro dos heróis está nas mãos de Kevin Tsujihara, o presidente e CEO da Warner. Ele será o responsável por reunir a equipe criativa que guiará as produções da DC para a luz. Ou assim esperamos.

Aquaman, Mulher Maravilha 84 e Shazam! são produções que podem indicar a mudança dentro da DC. Esses três projetos estão em desenvolvimento sem fortes rumores ou confusões nos bastidores, diferente de The Batman e o caso Ben Affleck. Apesar disso, o estúdio parece ter aprendido com seus erros e apresenta melhoras e mais consistência nos projetos. A confirmação se as mudanças deram certo virá mesmo na San Diego Comic Con e com o lançamento de Aquaman no fim do ano.

7 invenções que deram um pouco de esperança para humanidade

Matéria anterior

7 raças tão poderosas quanto os Saiyajins no universo Dragon Ball

Próxima matéria

Mais em Fatos Nerd

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.