O que acontece quando uma gota de água atinge óleo quente?

POR Lucas Franco    EM Ciência e Tecnologia      17/09/15 às 15h51

"leo e água não se misturam. Se você já fritou nuggets alguma vez na vida, certamente já percebeu isto. Mas será que já se perguntou porque? Bom, isto na verdade é bem simples, e é bom que você saiba para evitar um acidente doméstico bem comum. Nunca, em hipótese alguma, jogue água em óleo quente. Isto porque você vai colocar fogo na sua cozinha e ainda pode se queimar muito.

O óleo de origem vegetal, animal ou mineral tem um alto potencial combustível e pode provocar incêndios se ultrapassar a temperatura exata de 280º. Quando a água é vertida na queima do óleo, graças ao calor extremo, vaporiza-se quase que imediatamente. Nesta mudança de estado, a água se expande até 1.700 vezes, forçando o fogo para cima. Além disso, o gás produzido espalha o óleo no ambiente (inclusive em cima de você). O resultado são queimaduras e um incêndio de grandes proporções.

Coxinha

No caso de algo acontecer, desligue o fogo imediatamente e feche o registro do botijão de gás. Molhe um pano e torça para retirar o excesso da água, e então coloque o pano sobre a panela e espere até que ela esfrie. Se o incêndio for sério, chame os bombeiros!

Tudo acontece muito rápido, mas como seria se tudo fosse feito em câmera lenta? Bom, alguém já pensou nisto e fez o teste. A Universidade Estadual da Pensilvânia, nos Estados Unidos, em 2009, decidiram observar atentamente este fenômeno. Eles fizeram uma filmagem em close das várias fases da realização, em um vídeo com incríveis 3000 quadros por segundo. Com certeza dá para ver direito o que acontece.

Os cientistas responsáveis pela operação jogaram uma única gota de água em óleo quente. Já que a temperatura do óleo é maior que o ponto de ebulição da água (100º), há, num primeiro momento, um pequeno efeito de expansão inicial, conforme o líquido passa por uma rápida transição para o vapor. Nas imagens abaixo é possível ver o momento em que a gota toca no óleo e, imediatamente, se expande para um tamanho muito maior do que originalmente era.

Gota1

Gota2

Gota3

Em determinado momento, a mudança atinge um ponto crítico e acontece a superexpansão. Eventualmente, devido à maior pressão, a gota entra em colapso e depois volta a se expandir. E depois entra em colapso outra vez, e se expande de novo, em um ciclo vicioso. Isto porque, durante o experimento, apenas uma gota foi usada. Imagine o que aconteceria com um copo de água todo?

Se quiser, veja o vídeo divulgado pela Universidade (em inglês). Veja também, mais abaixo, um outro experimento, realizado em 2012 pela Instituição Real de Londres que deixa bem claro como pode ser perigoso a união entre água e óleo:

[embed]https://youtu.be/gltxUjB8jNA[/embed]

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=NC45vREoEOg[/embed]

Lucas Franco
O cara que gosta do Batman! @heymac14

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+