CuriosidadesEntretenimento

O que eram as manchas no corpo de Phelps na estreia na Olimpíada do Rio 2016?

0

Michael Phelps realmente é foco dos holofotes da natação, por ser considerado um dos maiores atletas de todos os tempos. O nadador já bateu trinta e sete recordes mundiais e conquistou o maior número de medalhas de ouro olímpicas em uma única edição, feito esse realizado nos Jogos de Pequim, na China, em agosto de 2008. Já leu a nossa matéria com as 29 celebridades que já foram usuários de maconha?

Ao obter a sua 19º medalha olímpica nos Jogos de Londres 2012, tornou-se o atleta mais medalhado da história dos Jogos Olímpicos, batendo o recorde que pertencia a Larissa Latynina, ginasta da União Soviética, que detinha um total de dezoito. Bom, mas o assunto hoje não é a carreira de Phelps, mas sim as manchas vermelhas no corpo do atleta e de outros que foram fotografados nos últimos dias. Nadadores e ginastas, particularmente da equipe dos EUA, estão com essas tais manchas espalhadas pelo corpo, que são consequências de uma terapia conhecida como “cupping”.

2

Cupping em português significa sangria ou ventosa, e é originada da China e do Egito, e é um processo que funciona com a aplicação de copos de vidro na pele, criando uma sucção. A técnica usada pelos atletas americanos tem como objetivo estimular o fluxo de energia pelo corpo. O ginasta norte-americano Alex Naddour é um dos aletas que gosta muito da técnica.

002

A sangria é um método de recuperação no qual ventosas são colocados para puxar a pele para trás com o objetivo de soltar os músculos e tendões. Aumentando o fluxo sanguíneo, a recuperação é acelerada. A prática se tornou comum para os atletas dos EUA, principalmente entre os ginastas e nadadores. Em um anúncio publicitário veiculado pela Under Armour, Phelps aparece sofrendo um pouco com o tratamento, confira no vídeo abaixo exatamente nos 45 segundos:

https://www.youtube.com/watch?v=Xh9jAD1ofm4

Existem dezenas de outras técnicas de recuperação, incluindo massagem desportiva, sauna, banhos de gelo e roupas de compressão, mas alguns atletas dizem que essa é a melhor técnica para se livrar das dores. Mas como é feito o cupping? A técnica consiste em posicionar pequenos recipientes no corpo com uma chama dentro. O vasilhame costuma ter um formato similar ao de uma xícara ou um copo pequeno, e fica completamente vedado. Quando o fogo acaba, a queda da temperatura e o consumo de oxigênio cria a sucção que adere o copo à pele. O vídeo abaixo mostra exatamente como é feito a técnica.

https://www.youtube.com/watch?v=qYVNTX1UPDo

Mas será que essa técnica realmente funciona? Especialistas dizem que essa prática é relativamente segura, mas ressaltam que não se trata de um tratamento médico comprovado.

E aí amigos, já sabiam o motivo das manchas no corpo dos atletas? Já tinham ouvido falar na técnica cupping? Comentem!

7 novos hábitos que vão acelerar seu metabolismo

Matéria anterior

Você sabia que a Arlequina foi inspirada em uma pessoa real?

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.