O que vai acontecer quando o petróleo acabar?

POR A redação    EM Lugares & Construções      14/08/15 às 13h35

Já que o petróleo é um combustível fóssil, uma fonte não-renovável, ele vai acabar um dia. As reservas atuais devem se esgotar em breve, mas os cientistas não acreditam que o combustível vai se extinguir tão cedo. O que deve acontecer mesmo é o fim do estoque abundante, o que é algo fundamental para a nossa sociedade.

Muitos especialistas afirmam que a produção de barris de petróleo tende a cair 3% ao ano. Com o fim da bonança petrolífera, nossa sociedade pode numa "Idade da Pedra Pós-Industrial". Alguns especialistas radicais ainda afirmam que vai ser impossível manter o nível de industrialização atual, e que corremos o risco de voltar a viver como os homens dos tempos das cavernas.

Claro que isso é um cenário extremo. A tendência é que o petróleo seja substituído por um conjunto de fontes renováveis de energia, já que é impossível encontrar um substituto tão concentrado e fácil de transportar quanto o combustível fóssil.

Biomassa, energia nuclear, energia eólica, energia solar, energia hidroelétrica, magnetismo e outros, podem substituir o petróleo como combustível para mover automóveis, aviões, outros meios de transporte e fornecer eletricidade para a população.

Mas muitos produtos tem o petróleo como matéria prima, e eventualmente serão raridade e/ou deixarão de ser produzidos.

Plástico

plastico-1024x768

A maioria dos objetos de nosso dia a dia são de plástico. Há pesquisas sendo feitas para utilizar a cana-de-açúcar e o milho como matérias-primas substitutas, mas ainda não é possível fazer essa troca. Sem técnicas de reciclagem, todos os produtos de plástico devem sumir do planeta. Isso inclui quase tudo. Olhe a sua volta: seu computador tem plástico nas teclas e no corpo; seus tênis e roupas tem plástico; seu celular tem partes de plástico, especialmente se estiver com capinha; etc, etc. O futuro deve reservar objetos feitos de vidro e metal.

Pomadas

Imagem-Hipoglos5

Em muitos produtos, é possível substituir o petróleo por materiais de origem vegetal, mas é o caso das pomadas. Algumas feitas com manteigas de cacau e de karité não são tão eficientes, por ficarem rançosas, e não serem tão eficientes em casos de assaduras ou queimaduras.

Medicamentos

aspirinas

Além de ser um ingrediente fundamental para vários suprimentos de plástico usados em hospitais, como cateteres, luvas, válvulas cardíacas, seringas, etc, o petróleo é a base de muitos remédios consumidos em larga escala, como analgésicos, antibióticos, sedativos e xaropes contra a tosse.

Comidas

lavoura-de-milho1

Os pesticidas são derivados de petróleo, ou seja, sem eles seriam necessárias semanas para produzir o que uma população come em um único dia. Com isso, ou a comida ficará mais escassa ou nossa dieta vai mudar drasticamente.

Produtos

IMG_20131108_121251-Large

Acrescentando nomes à lista de coisas que vão desaparecer sem petróleo, temos: carpetes, cortinas, tintas acrílicas, compensados de madeira, móveis em geral, eletrodomésticos, filmes fotográficos (usados no cinema - contudo opções digitais são uma alternativa), xampu, batom, esmalte e roupas (que contém petróleo na composição e/ou na coloração), etc.

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+