Os bebês nascem sabendo nadar? Verdade ou mito?

POR Eduardo Coelho    EM Curiosidades      05/09/15 às 02h19

A riqueza de peculiaridades que formam os seres humanos, inclusive no que diz respeito à anatomia surpreendem a nós todos. Existem pequenos detalhes que nos fazem ser o animal mais desenvolvido do reino animal e o mais dotado de características únicas, até porque somos os animais racionais.

Mas dentro da perspectiva de detalhes curiosos presentes em nós seres humanos, vamos mostrar pra vocês, um vídeo incrível envolvendo bebês e o contato com  a água, obviamente com a supervisão de adultos. O resultado dessa experiência envolvendo a capacidade dos nenéns em saberem se portar dentro da água em alguns segundos é nada menos que impressionante.

Confira conosco uma pequena demonstração do quanto isso pode ser lindo:

A verdade é que apesar de eles terem a habilidade de se movimentarem dentro d'água, por terem passado bastante tempo dentro da barriga da mãe, naquele cenário aquoso e líquido, desde o período em que ele ainda não passava de um singelo feto, eles não sabem nadar. 

Water-Babies1

E antes que você queira reproduzir o vídeo com os bebês que apresentamos para vocês e achem que deve fazer igual com os seus parentes recém nascidos, saibam que o bebê não nasce sabendo nadar, ele apenas tem a habilidade e a coordenação motora para isso.

Não queremos de forma alguma que o que é para ser um espetáculo, acompanhado de um adulto e em um lugar com condições de higiene dignas para a pele do bebê, se torne um desastre, nem uma tragédia. Tenham em mente que o bebê não nasce sabendo respirar dentro d'água e que todo o oxigênio que ele recebia nessas condições ainda na barriga da mãe é proveniente do cordão umbilical.

photo

Ou seja, apesar dos babies executarem bem a movimentação necessária para tal, eles não tem força suficiente para subirem a cabecinha na superfície, para inspirarem o oxigênio, nem controle suficiente para permanecerem muito tempo com a cabeça debaixo d'água, por isso a necessidade de um adulto estar sempre no controle da situação.

A professora Lina Aparecida Zardo, da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA), as crianças só adquirem coordenação motora suficientes para conseguirem nadar do modo correto, à partir dos 4/5 anos de idade, quando já possuem a habilidade de se concentrarem na respiração e no ato de subir à superfície para puxar o ar.

photo-1

É ou não é algo lindo de se ver?

 

Eduardo Coelho
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+