Séries e Sagas

Site pornô pode produzir uma nova temporada de Sense8

0

A história envolvendo o cancelamento de Sense8 parece não ter mais fim e os fãs já não aguentam mais esperar. Quando tudo parece resolvido, alguma coisa surge e aumenta ainda mais a nossa esperança de acompanhar terceira temporada da trama, o que vai além do futuro episódio especial que a Netflix irá produzir para dar fim a história dos oito sensates. Recentemente, Lana afirmou que escreveria ainda sim o roteiro de toda a temporada pois acreditava no poder que os fãs tinham para tornar isso possível.

A novidade da vez é um site pornô, mais precisamente o xHamster, que se ofereceu para produzir a nova temporada da série que a Netflix cancelou. O site publicou uma carta aberta às criadores Lana e Lilly Wachowsky afirmando que eles podem produzir a continuação, já que são um dos sites mais acessados do mundo. Não é uma versão paródia como costumamos ver, e sim uma continuação direta de onde a Netflix parou. Eles afirmaram:

“Sabemos que uma série sobre esse tipo de diversidade é difícil de se vender em um lugar mainstream como a Netflix. Nós não temos essas limitações, e também entenemos implicitamente e interligação das sexualidades além dos limites. O xHamster tem uma longa história de lutar a favor dos direitos de discurso sexual e sexualidade não normativa.” E confira com a gente a carta aberta:

“Queridas Lana e Lilly,

Recentemente, nós lemos que vocês estão trabalhando na terceira temporada de ‘Sense8’, apesar da Netflix não ter planos para renovar a série. Nós sabemos que não é convencional, mas queremos trazer a série de volta – no xHamster. Nós não estamos falando de uma paródia ou algo parecido, mas de um revival da série.
Desde que soubemos do cancelamento, ficamos pensando se poderíamos fazer algo. Enquanto estamos felizes que a Netflix decidiu dar um final pra série, antes de vocês concluirem a história, nós queremos que vocês considerem outra opção – deixem que xHamster produza a série.
Nos escute.
Atualmente, xHamster é um dos sites mais acessados da internet. Nós temos mais visitantes diariamente que o New York Times, EPSN e o Daily Mail. Diferente da Netflix, vocês não estariam competindo para ser parte de um orçamento de produção – seria todo de vocês.
Nós também temos disposição. Sabemos que uma série sobre esse tipo de diversidade é difícil de se vender em um lugar mainstream como a Netflix. Nós não temos essas limitações, e também entendemos implicitamente a interligação das sexualidades além dos limites. Resumindo, nós somos nós.
O xHamster tem uma longa história de luta a favor dos direitos de discuso sexual e sexualidade não-normativa. Além de permitir que bilhões de usuários se conectem com suas articulações individuais de gênero e sexualidade, nós continuamos a usar nossa audiência para falar contra as repressivas leis anti-LGBTQ nos Estados Unidos, além de ser a favor de educação sexual em escolas publicas, paternidade planejada e direitos dos trabalhadores sexuais.
Nós gostaríamos de marcar um encontro e ver se podemos nos encaixar no futuro de ‘Sense8’. Sabemos que somos uma casa improvável. Porém, há cinco anos, as pessoas riram da ideia de que a Netflix poderia produzir uma série original. Nós achamos que nossa hora, como a sua, chegou.

Sinceramente,
Alex Hawkins
Vice Presidente do xHamster.”

E aí, o que você achou dessa notícia? Comenta pra gente aí em baixo e compartilhe com seus amigos.

7 motivos convincentes para você parar de beber água gelada agora mesmo

Matéria anterior

Raven Symoné está disposta a viver sua personagem em O Diário da Princesa 3

Próxima matéria

Você pode gostar