Você sabia que Jesus não foi o primeiro messias? Entenda

POR Ultra Curioso    EM Mistérios & Horror      29/06/15 às 17h48

Segundo um estudo divulgado pelo Centro de Investigação Norte-Americano Pew, um terço da população mundial tem o cristianismo como religião. Esse número ultrapassa inclusive a quantidade de muçulmanos, que também é maioria no mundo.

O cristianismo foi fundado milênios atrás, logo após a crucificação e (segundo a Bíblia) ressurreição de Jesus Cristo, o messias da religião. Segundo a tradição cristã, Cristo veio à terra enviado por Deus como um homem para livrar a humanidade do pecado e mostrar o caminho que o ser humano deve seguir para chegar ao Altíssimo. Entretanto, segundo alguns manuscritos encontrados há décadas atrás, Jesus não foi o primeiro messias enviado por Deus.

No ano de 1947, o beduíno Muhammed Ahmed al-Hamed achou os Manuscritos do Mar Morto, um gigantesco conjunto de escritos, datados de 205 a.C., em uma época em que os textos da Bíblia sequer estavam reunidos. Entre os achados, há uma indicação de um "Mestre da Justiça", enviado por Deus em 196 a.C, segundo relato de uma carta.

739647

De acordo com os textos dos manuscritos (que foram traduzidos), esse enviado divino (que teria antecedido Cristo em quase 200 anos) chegou com a missão de 'livrar os judeus do cólera'. O "Mestre da Justiça" teria de lutar contra o "Homem de Mentiras". O corpo do mestre teria sido deixado em Damasco e havia a esperança do retorno deste mestre como Messias "no fim dos dias".

Os aproximados 2000 documentos dos Manuscritos falam de textos bíblicos, que podem ser comparados com os textos da Bíblia que sugiram depois. Também havia hinos e salmos, textos jurídicos e referências a tesouros, além de comentários de uma "seita de Qumrán", que seria em alusão ao lugar onde apareceram.

manuscritos-mar-morto-hebreu-israel-20121218-02-size-598

Ultra Curioso
Ultra Curioso o acervo de um dos maiores sites de curiosidades brasileiros.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+