10 pedidos bizarros de visto para o exterior

POR Fatos Desconhecidos (Acervo)    EM Curiosidades      13/10/15 às 17h31

Quando vamos viajar para outro país e pretendemos passar mais tempo lá do que o estipulado para turistas, precisamos justificar a nossa ida para ter (ou não) a viagem autorizada e permanecer no local em situação legal. As justificativas mais utilizadas costumam ser relacionadas ao trabalho e ao estudo, no entanto algumas pessoas exageram na criatividade.

Se você quisesse se mudar para outro país que justificativa usaria? Que tal caçar vampiros ou fugir da polícia? A seguir selecionamos para você desculpas que nunca deve usar na hora de pedir um visto internacional, já que parecem não ter funcionado muito bem. A não ser em história de ficção, é claro. As justificativas são de pessoas reais, embora os nomes não sejam citados. Elas foram divulgadas pelo site GlobalVisas.com, especializado em ajudar turistas a entrar em novos países.

1 - Caçar vampiros

vampiros

Parece inacreditável, mas foi exatamente a justificativa usada por um homem sul africano para conseguir um visto. A intenção do rapaz, segundo ele próprio afirmou ao site,  era viver na Romênia para poder caçar os vampiros que viviam por lá. E não pense que parou por aí, o sul africano se intitulou como um verdadeiro caça-vampiros. Será que o país também precisa de mão de obra caça-fantasmas?

2 -  Ensinar flamenco nas ruas

fa

Geralmente, quando pedimos um visto de trabalho é necessário já ter em mente uma proposta de emprego no novo país. Pensando nisso, um homem brasileiro não hesitou em justificar como ganharia o pão no país estrangeiro. Afirmando ser um professor de dança, ele solicitou um visto no Reino Unido com o objetivo de ensinar flamenco nas ruas de Norwich. Será que ele conseguiu levar os seus conhecimentos de dança latina para as ruas de lá?

3 - Se prostituir

Infelizmente, o tráfico de mulheres para a prostituição é um crime que tem feito com que várias mulheres sejam exploradas fora de seus países de origem, sem conseguir voltarem para casa. No entanto, esse caso não se trata de tráfico, mas sim de uma mulher que queria se prostituir em um país estrangeiro por livre e espontânea vontade. Uma idosa russa tentou  conseguir um visto europeu para trabalhar "no comércio" da Holanda. E você sabe o que seria esse comércio, não é? A prostituição.

4 - Embalsamar cadáveres

embalsamar

Outra atividade curiosa usada como justificativa para conseguir um visto de entrada em outro país foi utilizada por um homem mexicano. Como em seu país o sujeito trabalhava embalsamando cadáveres, ele solicitou um visto para a Espanha com o objetivo de levar as suas habilidades para cuidar dos corpos dos mortos para o continente europeu. Um intuito nobre, não acha?

5 - Ser gondoleiro em Veneza

gondo

Depois de descobrir que haviam muitos gondoleiro em Veneza, um gondoleiro de Mali tentou um visto para atuar na profissão na cidade italiana.

6 - Provar comida de cachorro

comi da ca

Talvez você não saiba, mas a comida do seu cachorro foi testada primeiramente em humanos. Mas a profissão parece não estar indo muito bem, pelo menos nos Estados Unidos. Um provador de comida de cão norte-americano tentou conseguir um visto para o Reino Unido, pois de acordo com ele nas terras da rainha o mercado de trabalho no setor era mais extenso.

7 - Fugir da polícia

esconder

Dentre todas as coisas que alguém poderia alegar para entrar em algum país, aposto que por essa você não esperava. Mas sim, foi exatamente o que aconteceu. Um homem filipino declarou abertamente estar fugindo das autoridades locais enquanto tentava um visto para visitar parte da família na Austrália. Nem é preciso comentar o qual foi o provável fim dele, né?

8 - Ser modelo de pé

pé

Assim como a profissão de provador de comida de cachorro não parece estar indo muito bem nos Estados Unidos, ser modelo de pé na França parece não ser uma carreira muito promissora também. Uma modelo de pé francesa pediu um visto para ir trabalhar nos EUA, já que nas terras do Tio Sam haveria uma demanda maior de trabalho para a área.

9 - Se tornar uma zumbi

zumbi

Por outro lado, uma profissão que parece estar em alta é ser zumbi. Pensando no melhor para a sua carreira, uma mulher solicitou um visto para o Reino Unido, depois de ser aprovada em uma entrevista de emprego como "zumbi por temporada", em um parque de diversões inglês. Isso mesmo, ela tentou o visto para assustar as criancinhas da região durante as férias.

10 - Tosquiar alpacas

alpacas

Se você acha que já viu de tudo, espere até conhecer a história do homem que pediu um visto com a justificativa de trabalhar como um tosquiador de alpaca, um mamífero comum na América do Sul. O tosquiador que era peruano, estava tentando um visto para a Europa.

Fatos Desconhecidos (Acervo)
Acervo, matérias feitas antes do ano de 2015.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+