5 lendas assustadoras da internet que enganaram muita gente

POR Fabiana Souza    EM Entretenimento      01/10/15 às 19h32

Desde que a internet entrou no lar das pessoas e se espalhou por smartphones, tablets e até mesmo relógios, ficou impossível delimitar seus espaços e filtrar as informações. Com isso, muita gente foi iludida por muita teoria conspiratória por aí que não passavam de meras historinhas para assustar os desavisados.

Embora seja difícil admitir, todos nós já fomos vítimas do mar de mentiras que a internet emana por aí, até mesmo aqueles que se acham espertos já foram enganados, pois, as informações são tantas que fica difícil checar uma por uma com o pouco tempo que temos (e que diminui mais ao longo dos dias).

Confira algumas lendas assustadoras da internet que não passaram de mentiras:

5 - The Grifter

Cachorro chorando igual a um bebê, uma pia cheia de insetos nojentos, pessoas deformadas... Tudo isso em um único apartamento. O homem conhecido com "The Grifter" supostamente era o responsável por tudo isso. As histórias eram publicadas no site 4chan e diziam que "quem assistisse ao vídeo, passaria por uma redenção da alma aterrorizante".

O vídeo que separamos corresponde a metade do imagens originais. Muitos afirmaram que se tratava de uma referência ao filme de terror "Mártires" (2008), mas o fato é que (obviamente) não aconteceu nada com ninguém que viu o video. Não houveram casos de morte, nem se quer uma apariçãozinha sobrenatural, nada.

4 - Normal Porn For Normal People

normal-porn-normal-people

Seguindo a vibe dos "veja este vídeo interessante" de blogs e portais, muita gente conheceu os vídeos doentios. Uma mulher toca um violino em frente ao espelho, que reflete a imagem de um homem vestido de galinha se masturbando; em outro, um rapaz lambe a máquina recém consertada por um especialista; em outro, a mesma mulher do violino é amarrada em um colchão, em seguida entra um chipanzé pela porta, a mata e come sua carne.

Tudo isso estava em um site bizarro, chamado normalpornfornormalpeople.com, que depois revelou-se um projeto audiovisual em que cada vídeo tinha como objetivo uma crítica à sociedade.

3 - Ted the Caver

ted-the-caver

Ted, um homem que adorava explorar cavernas, encontrou certa vez uma gruta bem estranha: barulhos sem explicação podiam ser ouvidos nas proximidades, fazendo com que seu cachorro, que adorava participar das aventuras nas cavernas, se recusasse a entrar.

Mesmo com todos as coisas estranhas, Ted entrou na caverna. Ele postou fotos e fotos até que algo estranho aconteceu. A história é tão mirabolante que inspirou David Hunt a produzir um filme baseado na história: "Living Dark: The Story of Ted the Caver" (2013). Entre pequenas fendas, Ted disse que encontrou um estranho demônio. Porem, a verdade, muito esperada por inúmeros internautas que acompanhavam a página "AngelFire" em busca de atualizações sobre a 'caverna mal assombrada', é que Ted apenas criou uma história assombrada por conta de exploração real que ocorreu dentro da caverna.

2 - Gatos "bonsai"

Sem título

 

Prender gatinhos indefesos em garrafas é muita maldade, não é mesmo? Foi o que muita gente achou em torno de 1999, quando mensagens indignadas enviados por e-mail que mostravam a sofrimento de gatinhos que eram obrigados a viver como "bonsais", e diziam que, com o passar dos meses, seus ossos seriam deformados.

Um site alimentou essa história que indignou muita gente por um longo tempo, mas depois foi comprovado que as imagens não passavam de montagens feitas pelos donos dos bichanos.

1 - Último episódio de "Caverna do Dragão"

Caverna-do-Dragão-Gloob

A lenda sobre o último episódio do desenho animado "A Caverna do Dragão" existe desde que a animação passava durante as manhãs dos canais abertos de TV. Uma das versões mais propagadas era que, no final, o Vingador era o mesmo personagem que o Mestre dos Magos, que auxiliava a turma que estava presa fora do seu mundo.

A lenda ia ainda mais além e dizia que os personagens não haviam entrado em outra dimensão quando caíram do carrinho da montanha russa, no primeiro episódio, e sim que eles teriam morrido e foram parar no inferno, pois tinham ido ao parque sem a permissão dos pais. A desobediência teria os condenado ao eterno sofrimento. Alguns fãs levaram isso tão a sério que criaram uma HQ para a versão, porém, a verdade mesmo é que o final do desenho original jamais existiu.

Fabiana Souza
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+