5 lugares estranhos que a ciência não consegue explicar

POR A redação    EM Lugares & Construções      12/06/15 às 09h10

Nós temos muita confiança na ciência atualmente do que há 100 anos. Se por algum acaso nós cruzarmos com fenômenos estranhos que aparentemente não tem explicação, a ciência geralmente está lá desvendando tal mistério. O que está acontecendo é que a ciência ainda falha em descobrir muitos fatos sobre o nosso planeta.

Existem alguns locais em nosso planeta que apresentam alguns fenômenos bastante estranhos e assustadores que ainda são alvo de muitas especulações. Como é de se imaginar, tudo que não pode ser explicado pela ciência, vira alvo de diversas teorias da conspiração e discussões acaloradas. Como se formaram? Porque isso está acontecendo? O Ultra Curioso listou a seguir os 5 locais que seguem essas características. Confira:

As luzes de Hessdalen

1

As luzes de Hessdalen são um fenômeno luminoso desconhecido que acontece no Vale de Hessdales na Noruega. As luzes aparecem à noite em tons brilhantes de branco e amarelo e permanecem por até uma hora no território que cerca o Vale. As luzes estranhas são registradas desde 1940. O ápice da atividade das luz foi em 1981 quando elas eram observadas 15 à 20 vezes por semana. De lá para cá a atividade diminuiu e as luzes estão sendo observadas aproximadamente 20 vezes por ano.

A cidade que causa uma epidemia de sono

2

No Cazaquistão, a população de uma cidade está sofrendo com uma epidemia misteriosa que supostamente provoca fadiga, perda de memória, alucinações e mais estranhamente, longos períodos de narcolepsia. Ao longo dos últimos anos, centenas de moradores da cidade Kalachi, relataram cair inconsciente sem motivo aparente.

O problema tornou-se tão grave que o governo do Cazaquistão chegou a evacuar os habitantes da cidade. A principal hipótese é que os moradores de Kalachi estavam sofrendo os efeitos de envenenamento por radiação, uma vez que a cidade é perto de uma mina de urânio. Todos os exames de sangue da população estavam normais, o que leva alguns a acreditar que a situação pode ser um caso de histeria coletiva.

Os círculos de fada da Namíbia

3

O que você está olhando é um campo de grama frequentemente interrompido por manchas onde nada cresce. Os círculos variam entre 3 metro e 10 metros de diâmetro e continuam por mais de 1500 quilômetros. Os cientistas têm estudado esse fenômeno misterioso por décadas mas nenhum chegou perto de uma resposta. A ciência não consegue explicar o que fez os círculos, por que eles são uniformemente espaçados, por que eles tem o formato circular e por que eles nunca se sobrepõem.

O zumbido de Taos

4

Desde os anos 90, os moradores de Taos no Novo México têm relatado um zumbido incessante que circula por toda a cidade e os leva perto da loucura. Os investigadores investigam a mais de 20 anos a localização e a origem do som enlouquecedor sem sucesso. A teoria que prevalece é que os moradores são sensíveis o suficiente para captar sons de dentro de suas "próprias cabeças".

Chaleira do diabo

5

Existe no estado de Minnesota nos EUA uma bizarra cachoeira chamada de 'Chaleira do Diabo'. O motivo? As águas desaparecem no fundo da cachoeira e ninguém nunca viu o tal "fundo" da cachoeira. A hipótese mais aceita é de que a água flui através de um sistema de cavernas subterrâneas até que saia de novo em algum lugar perto do lago. Entretanto, os cientistas nunca descobriram para onde a água vai.

A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+