Ciência e TecnologiaCuriosidades

7 artefatos fascinantes que tem origens desconhecidas

0

A arqueologia se trata do estudo de civilizações antigas através de vestígios de artefatos antigos pelos arqueólogos. Com esse tipo de trabalho, o ser humano consegue aprender sobre a cultura e costumes de seus antepassados.

O fato é que muitas das coisas que os arqueólogos desenterram do chão são bastante diretas e objetivas, isso quer dizer que sabemos exatamente o que nossos ancestrais fizeram com arco e flechas por exemplo. Mas, ocasionalmente, aparecem coisas que deixam especialistas se perguntando, “o que é isso?”. Foi pensando exatamente nisso que nós da Fatos Desconhecidos trouxemos 7 artefatos fascinantes que sua origem ainda é misteriosa. Confira:

1 – Círculos do Oriente Médio

Esses ‘círculos’ são estruturas de pedra circular construídas no deserto da Síria. Acredita-se que deve ter pelo menos 2 mil anos. U m arqueólogo que trabalha nas estruturas disse que você pode distinguir um padrão vago do chão, mas você deve ascender a pelo menos 30 metros (100 pés) para ver claramente as estruturas.

2 – Tapeçarias do Unicórnio

Seita tapeçarias que descrevem a suposta caça de um unicórnio estão em uma exposição permanente no Musee de Cluny, em Paris. Elas foram chamadas de “Mona Lisa de obras de arte tecidas”, mas ninguém sabe quem as criou. Apesar de terem sido feitas no século 15/16, nenhuma referência às tapeçarias existe antes de 1814. Ninguém tomou conhecimento delas até 1841, quando os itens úmidos e mordiscados foram resgatados de sua casa no castelo de Boussac.

3 – Crânios peruanos da Flórida

Em janeiro de 2012, caveiras de um garoto foiram encontradas durante uma escavação no sul da Flórida. O crânio menor era de uma pessoa com 10 anos de idade e ainda tinha tecido no osso. Autoridades foram investigar, mas isso não era apenas um crime comum. A carne foi mumificada, e os crânios tinham pelo menos 800 anos. Ainda mais estranho, os crânios tinham uma estrutura única conhecida como “osso inca”, que ocorre principalmente em peruanos nativos.

4 – Tábuas Glozel

Em 1924, um agricultor chamado Emile Fradin encontrou uma câmara subterrânea cheia de objetos em um dos seus campos. Lá ele viu ossos humanos estranhamento marcados, ídolos hermafroditas, máscaras e várias tábuas gravadas com uma língua estranha. Fradin abriu suas propriedades para que pessoas de todo o mundo viessem e escavassem tal descoberta. Durante anos, milhares de artefatos foram descobertos ali.

5 – Rocha misteriosa

Em 1872, perto do lado Winnipesauke de New Hampshire, foi descoberto um ovo de pedra preto, com cerca de 10 cm de altura, com imagens esculpido nele. Foi caracterizada como uma ‘maravilha do mundo científico’; Nada parecido já foi encontrado em qualquer lugar nos Estados Unidos até hoje. É conhecida como a “pedra do mistério”.

6 – Chapéus de ouro

Esses chapéus de ouro são considerados um alguns dos artefatos mais estranhos encontrados na Europa. O mais antigo é conhecido como cone de Berlim, que foi criado em 1300 a.C. e descoberto em 1835. É coberto em 1.739 símbolos de sol e lua, colocando-o nos limites da tecnologia de metalurgia de seu tempo.

7 – Aramu Muru

artefatos

O portão Inca de Aramu Muri no Peru é uma grande praça de pedra. São sete metros de cada lado em uma superfície plana. Algumas pessoas acreditam que o local se trata de um portal mágico. Moradores locais dizem que isso o levará para o submundo e pode ser aberto por mágicos com chaves encantadas ou especiais.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

7 animais que tem comportamento homossexual

Matéria anterior

Astro de Pantera Negra é um grande fã de animes

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.