Curiosidades

7 coisas que você precisa saber sobre o Furacão Harvey que devastou os EUA

0

Se você não mora em uma bolha totalmente isolada da humanidade ou de qualquer comunicação, você deve ter visto em algum noticiário da TV ou até mesmo na internet os acontecimentos preocupantes que ocorreram nos Estados Unidos, “o furacão Harvey”. Mesmo depois de ter sido rebaixado para um tempestade tropical, os estragos provocado pelo fenômeno podem impactar drasticamente na economia do sul do Texas.

Milhares de pessoas ficaram desabrigadas e estão sofrendo com as consequências da passagem do furacão, no Texas. Com ventos de até 95 quilômetros por hora, o fenômeno já causa danos bilionários em todo o Estado. Indústrias de energia e seguros estão tentando avaliar o prejuízo deixado pela tempestade, que segundo alguns especialistas, poderia ser uma das 7 mais caras da história dos Estados Unidos.

1 – Rota

Dezenas de milhares de pessoas foram obrigadas a deixar a costa do Golfo do México para escapar do furacão, a medida que se aproximava do continente. As autoridades informaram que esse poderia ser um fenômeno longo, as áreas do sul do México poderiam ficar inabitáveis por semanas ou meses. Alimentado pelas águas quentes do Golfo do México, seu tamanho e força trouxeram de volta a memória dos americanos o furacão Katrina, que em 2005 levou destruição a área de Nova Orleans, no estado vizinho da Luisiana com uma tempestade de categoria 3.

2 – Categoria 4

O que diferencia uma simples tempestade tropical de um furacão é a intensidade dos ventos. Harvey, depois de um tempo, se tornou um furacão da “categoria 4” (isso quer dizer que tem força suficiente para provocar grandes danos em áreas habitadas como casas e prédios, que são derrubadas pelos ventos; chuvas torrenciais resultam em enormes inundações, com isso, há a necessidade de retirada em larga escala todos aqueles que residem nas regiões por onde o furacão passa).

 3 – Prejuízo

As previsões sobre o prejuízo total variam bastante. Segundo o banco americano JPMorgan Chase, a conta das seguradoras deve ficar entre US$ 20 bilhões. Já outros analistas estimam o provável dano entre US$30 e US$50 bilhões, independente dos valores, é quase indiscutível que os seguros não irão cobrir sua totalidade.

 4 – Fatalidades

De acordo com dados divulgados pelo jornal The New York Times, dois dias após o furacão tocar o solo e cair da categoria 4 para uma tempestade tropical, acredita-se que o fenômeno tenha deixado, pelo menos, 44 mortos e 19 desaparecidos no estado do Texas.

5 – Destruição

O furacão estava provocando “inundações extremamente sérias”, anunciaram as autoridades meteorológicas. As chuvas de mais de mil milímetros poderiam se prolongar por um tempo, causando inundações catastróficas e ameaçadoras para a vida”.

“A medida que essa coisa se mover mais para o interior durante o dia, será o fim desse pesadelo”, disse o porta-voz do Centro Nacional de Furacões dos EUA e meteorologista Dennis Feltgen. “O Texas irá finalmente ter uma chance de superar a inundação, à medida que esse fenômeno se retirar”.

6 – Demanda de petróleo

A demanda de petróleo deverá cair cerca de 900 mil barris por dia em setembro, disse o banco Goldman Sachs. “O Irma vai ter um impacto negativo na demanda por petróleo, mas não na produção ou processamento. O impacto negativo do Harvey na demanda vai ser maior, dada a maior concentração de atividades petroquímicas intensivas em uso de energia em seu caminho”, disseram analistas do banco em nota.

7 – Recuperação do Texas

O maior sistema de combustíveis dos Estados Unidos, foi reativado dia (4) de setembro. Um canal importante de dutos (estrutura tubular por onde escoam determinados líquidos e matérias orgânicas) acabou sendo fechado pelos devastadores ventos do furacão Harvey, enquanto as autoridades avaliam como pagar os bilhões de dólares de danos causados por ele. A reabertura dos dutos irá restaurar ligações entre refinarias ao longo da Costa do Golfo, polo petroquímico dos EUA, com mercados no nordeste do país.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

13 visuais incríveis que ficaram de fora dos filmes X-Men

Artigo anterior

5 personagens que foram inutilizados nas adaptações cinematográficas

Próximo artigo