Inovação

7 novidades e diferenças apresentadas no iPhone X

0

Você já deve ter escutado alguns rumores sobre o novo smartphone da Apple: o iPhone X. A pré-venda do aparelho começou no dia 27 de outubro, chegando às lojas de alguns países, como Estados Unidos e Reino Unido, neste dia 3 de novembro. E olha que já conquistou o coração dos privilegiados usuários que puderam fazer sua aquisição.

De acordo com Geoff Blaber, que faz parte da consultoria em tecnologia CCS Insight: “O iPhone X é um investimento de longa data da Apple que estabelece um padrão para as próximas gerações do aparelho“. De fato, conta com inúmeros avanços e novidades, o que fazem com que o aparelho seja simplesmente o mais caro da história. Por outro lado, o preço nunca foi algo que inibisse os verdadeiros fãs da marca e que possuem o poder aquisitivo para fazer o investimento. Pensando nisso, se você está curioso para saber mais sobre as principais características do smartphone, dá uma olhada abaixo!

1 – Duas células de bateria

Parece que os engenheiros responsáveis pelo desenvolvimento do iPhone X tiveram uma ideia bastante criativa. Um dos pontos que mais chama atenção no aparelho é sua capacidade de suportar duas células de bateria. Isso permitiu trabalhar de forma otimizada o espaço interno do aparelho, disponibilizando todos os componentes que precisam. Porém não se engane. Em aspectos gerais não haverá grandes melhoras no desempenho da bateria no que tange sua duração.

2 – Ausência do botão “home”

Este é um dos pontos que mais geraram polêmica. Os aparelhos celulares da Apple sempre mantiveram como característica o botão “home”. Com o lançamento do iPhone 8, o botão foi simplesmente eliminado. E com o iPhone X não foi diferente. Os desenvolvedores optaram por deixar o aparelho sem o botão, fazendo com que o desbloqueio facial seja a melhor opção.

3 – Sensores que integram o Face ID

Sim, a identificação facial já está presente em muitos aparelhos lançados, no entanto, no iPhone X conta com recursos para tornarem o processo mais fácil e seguro. Acima do display pode ser encontrado um iluminador. Ele é o grande responsável por projetar aquela luz infravermelha para o rosto do usuário.

Para a leitura, a câmera do aparelho também faz parte do processo. Também há um projetor de pontos infravermelhos, responsável por criar uma espécie de mapa em 3D da face do usuário, enviando os dados para o processador. São identificados cerca de 30 mil pontos do rosto, portanto, você pode até mesmo envelhecer que o sensor continuará te reconhecendo.

4 – Display

O iPhone X conta com uma tela sem bordas, garantindo mais espaço. Ainda conta com a tecnologia OLED Super Retina, que é a mais avançada atualmente e vem sendo utilizada para a fabricação de telas de última geração. A tecnologia True Tone também está presente no aparelho, garantindo o ajuste ideal de balanço de cores, de acordo com as luzes do ambiente.

5 – Placa Lógica ocupa menos espaço

Notavelmente, os desenvolvedores se preocuparam muito com o espaço interno do aparelho. A Placa Lógica, também chamada de placa controladora, é a “parte pensante”  localizada no HD. No iPhone X ela ocupa um espaço drasticamente menor. Apenas para que você tenha noção, ela ocupa o equivalente a 70% do espaço ocupado pela placa no iPhone 8 Plus.

Para caber no smartphone, ela acabou sendo “dobrada ao meio”, sem perder sua capacidade total. Tudo isso faz com que o aparelho ganhe maior desempenho. Pontos para a novidade na engenharia dos iPhones!

6 – Reparos

Algo que costuma preocupar os usuários de iPhone é justamente a hora em que reparos precisam ser feitos. Dependendo do caso, é um processo complicado e nada barato. No caso do iPhone X, temos uma grande vantagem, mas também algo que pode ser considerado como um lado negativo. Ao ser trincada, a tela do aparelho pode ser trocada com facilidade, sem por exemplo, precisar remover componentes do Face ID. Isso facilita e deixa um conserto mais barato.

No entanto, se a parte traseira do aparelho sofrer algum tipo de acidente e precisar ser trocada, já será algo um tanto mais complicado. Neste caso, os componentes precisarão ser removidos, e todo o chassi precisará ser trocado. No que tange a facilidade em reparos, o smartphone ganhou a nota de 6/10, o que é bom para a proposta do aparelho.

7 – Valor mais alto

A empresa que já é conhecida por seus produtos em preços bastante elevados, desta vez ainda conseguiu se superar. O modelos mais básico do iPhone X, com 64 GB, custará nos Estados Unidos o equivalente aos 3,1 mil reais. Enquanto isso, o modelo com 256 GB, custará cerca de 3,5 mil reais.

Os valores superam os do iPhone 8 e de outros concorrentes com características semelhantes como o Samsung Note 8. Bom, essa é uma prévia do que podemos esperar quando o aparelho chegar às lojas brasileiras.

E então pessoal, o que acharam? Compartilhem suas ideias com a gente aí pelos comentários!

Por que Lady Sif não apareceu em Thor: Ragnarok?

Matéria anterior

O grande vilão de One Punch Man foi inspirado em Piccolo?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Fatos Desconhecidos Nós gostaríamos de enviar notificações dos últimos conteúdos e atualizações que fazemos.
Dismiss
Allow Notifications