• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 personalidades negras extraordinárias que mudaram a história da humanidade

POR Jesus Galvão    EM Mundo Afora      06/03/18 às 14h09

Muitos nomes poderiam ser citados por sua grande influência e notoriedade ao longo da história. Diversas personalidades deixaram como legado histórias que tem inspirado gerações por sua coragem, criatividade e determinação. Das artes à política, passando pelos livros, filmes e teatros, essas pessoas foram responsáveis por grandes contribuições em causas como igualdade de direito civis e respeito a diversidade.

Hoje, listamos algumas personalidades que fizeram história e marcaram época, tendo suas biografias impressas em luta e superação, em busca de uma sociedade mais igualitária.

1 - Faith Ringgold

Pintora, escultora e escritora, a nova-iorquina multipremiada Faith Ringgold já apresentou suas obras em museus e galerias do mundo todo. Intitulada como American People, sua série de pinturas foi classificada como uma de suas obras mais notáveis por retratar o movimento dos direitos civis na perspectiva feminina.

2 - Maya Angelou

Marguerite Ann Johnson, mais conhecida como Maya Angelou, a multitalentosa escritora e poeta estadunidense nasceu em St. Louis, Mississipi. Maya entrou pra história como sendo a primeira diretora negra em Hollywood. Ativista por direitos civis, a poetisa foi condecorada pelo ex-presidente Obama em 2010 com a Medalha Presidencial da Liberdade. A mais alta condecoração civil norte-americana.

3 - Ella Fitzgerald

Ella foi a primeira mulher afro-americana a ganhar um Grammy Award, um dos maiores prêmios da música. Com mais de 40 milhões de álbuns vendidos, a "Primeira Senhora da Canção" teve uma infância conturbada e chegou a morar nas ruas antes de se tornar uma das cantoras de Jazz mais conhecidas em todo mundo.

4 - Angela Davis

Nascida em Birmingham, no Alabama, a professora, escritora, filosofa e ativista, Ângela sempre lutou por causas como a igualdade de gênero e a reforma prisional. Angela já foi presa (1970) acusada de conspiração e homicídio, por se envolver com o movimento dos panteras negras, e já fez parte do Partido Comunista dos Estados Unidos, agindo em defesa dos direitos civis da população negra . Davis, é professora emérita do Departamento de Estudos Feministas da Universidade da Califórnia.

5 - Debbie Allen

Aclamada coreógrafa Debbie Allen, também diretora e dançarina, já foi indicada aos prêmios Tony por seu papel em West Side Story, da Broadway em 1980. Debbie quando jovem foi levada por seus pais para morar no méxico, e depois de viver lá por alguns anos ela regressou aos EUA, onde se candidatou para a Houston Ballet School, que a rejeitou pela cor de sua pele. Porém, nada podia apagar o talento de Debbie, que com a ajuda de um instrutor, ela conseguiu se ingressar na escola.

6 - Lorraine Hansberry

A ativista foi conhecida como a primeira dramaturga negra a ter uma peça produzida na broadway da história. Sendo também a americana mais nova a ganhar um prêmio do New York Critics Circle Awards. Um caso jurídico histórico foi protagonizado pela família de Lorraine. Após se mudarem para um bairro de brancos, sua família foi atacada por seus vizinhos. O caso ficou conhecido como Hansberry v. Lee, onde os acordos de restrição racial foram definidos como ilegais. A dramaturga estudou na New School for Social Research, onde foi colunista e editora para o jornal progressista Freedom.

7 - Toni Cade Bambara

Toni atuou como assistente social, terapeuta ocupacional e em vários outros projetos sociais, enquanto trabalhava em seus mestrado em ficção americana moderna no New York City College. Bambara, durante a década de 60, dirigiu o Theatre of the Black Experience e escreveu para diversas revistas da época. A professora e escritora, publicou seu primeiro livro "A Mulher Negra" em 1970, e é lembrada até hoje, como uma escritora brilhante, dedicada e destemida.

Então leitores, o que acharam da matéria? Deixem suas opiniões pelos comentários e não se esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+