Todos os dias somos expostos a notícias e informações sobre a criminalidade de crianças e adolescentes. E conforme os anos passam, a idade fica cada vez menor. E em alguns lugares idade não é desculpa para crimes e alguns podem ser sentenciados à pena de morte. Podemos usar o regime islâmico como exemplo já que um adolescente do sexo masculino pode ser executado aos anos enquanto meninas de 8 anos podem receber uma pena capital.

De acordo com a Organização das Mulheres Contra a Execução, o regime islâmico do Irã executou 187 mulheres juvenis entre 1981 e 1990, incluindo nove meninas com idades compreendidas entre 10 e 13 anos. E em países não desenvolvidos que não possuem registro de nascimento, um ofensor pode achar difícil comprovar seu status juvenil. Bom, nós da Fatos Desconhecidos trouxemos para nossos leitores 7 pessoas mais jovens condenadas à morte no mundo. Confira:

1 – Hannah Ocuish

Hannah Ocuish é considerada a menina mais jovem executada nos Estados Unidos, com apenas 12 anos. Ela foi enforcada em 1786 depois de assassinar outra criança. A garota tinha problemas mentais.

O jovem Eunice Bolles foi encontrado ao lado da estrada, os investigadores questionaram Hannah, que negou qualquer envolvimento no assassinato. Os investigadores a levaram para a casa onde o corpo estava, nesse processo Hannah teria explodido em lágrimas e então ela confessou o crime.

2 – Fortune Ferguson

Antes da Suprema Corte dos Estados Unidos decidir que a pena de morte era punição um excessiva para o crime de estupro, estupradores eram comumente executados, o que inclui Fortune de 13 anos. O garoto foi acusado e condenado por estuprar uma criança de 8 anos em 1925.

3 – James Arcene

James Arcene foi acusado como responsável por um assassinato quando tinha apenas 10 anos. O crime ocorreu em 1872, quando James e William Parchmeal dispararam seis vezes em um colonizador sueco, esmagando seus restos mortais como uma rocha e roubando seus pertences. Quando os dois foram pegos, foram sentenciados a morte.

4 – Giovanni di Giovanni

Giovanni di Giovanni morava na Itália durante o século 12. Com apenas 15 anos, o garoto foi nomeado como ‘um sodomita passivo público e notório’, por conta de sua homossexualidade. O garoto foi mutilado em sua região genital com um ferro quente e acabou morrendo durante a tortura.

5 – Mary

Mary foi uma escrava em 1838. Aos 13 anos ela foi enforcada depois de ter sido condenada por ter matado uma criança de dois anos de idade. Mary devia cuidar da filha de seu patrão. A garotinha de dois anos teria sido encontrada jogada em um pequeno rio próximo. Mary teria confessado o crime quando foi interrogada pelo xerife.

6 – John Dean

Morte

John Dean foi acusado por ser o responsável por um incêndio criminoso na Inglaterra de 1629. O garoto teria sido responsável por incendiar dois celeiros na cidade de Windsor e foi morto por enforcamento. O que mais impactou as pessoas não foi a idade do garoto, mas sim a forma de punição escolhida para ele.

7 – Alice Glaston

Alice Glaston é considera a mais jovem inglesa a ser executada. Ela foi enforcada em 1545 aos 11 anos de idade. Pouco se sabe os detalhes sobre a sua execução. Seu enterro teria sido observado por Sir Thomas Butler, vigário de Much Wenlock em Shropshire. O crime da garotinha teria se perdido na história.

E aí, o que acharam da matéria? Comenta aí e não se esqueça de compartilhar com os amigos, lembrando que seu feedback é sempre muito importante.

Publicado em: 28/12/17 13h29