7 práticas comuns em outros países que o Brasil deveria copiar

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      28/03/18 às 16h10

O Brasil não é o melhor país para se viver e isso ninguém pode negar. Por mais que amemos as terras brasileiras, o seu clima tropical e a diversidade de cultura, alguns costumes básicos de outros países conseguem deixar o Brasil há anos-luz de distância.

Atitudes positivas partindo das pessoas têm o poder de contribuir para um mundo melhor e mais avançado. Faz ainda com que as pessoas vivam melhor e por mais tempo. Já pensou como seria o nosso país se houvesse mais compreensão entre as pessoas e, consequentemente, uma maior solidariedade? É claro que existem pessoas que dedicam o seu tempo em ajudar uma causa, mas são casos raros, infelizmente.

Pensando um pouco mais sobre o assunto, nós da Fatos Desconhecidos resolvemos trazer essa matéria. Listamos algumas atitudes simples que são feitas em outros países e que o Brasil deveria adotar. Se você já viajou para o exterior e sabe de algum outro costume que não listamos aqui, manda pra gente aí embaixo, nos comentários.

1 - Receber por devolver embalagens descartáveis (Alemanha)

Esse é um costume na Alemanha. Quando se compra uma garrafa de água, por exemplo, há um valor pela embalagem. Após consumir o produto, o consumidor pode devolver a garrafa em qualquer estabelecimento que venda o produto e pegar o dinheiro extra que pagou pela embalagem.

2 - Tirar os sapatos antes de entrar em casa (Japão)

Apesar do costume ser bem popular e muitas pessoas do mundo conhecerem, isso é algo positivo que podíamos adotar. No país, as casas costumam contar com o Genkan, uma área na entrada reservada para deixar os sapatos. Esse espaço está presente até mesmo em alguns prédios comerciais e escolas. Os japoneses enxergam um fator espiritual nessa atitude. Eles acreditam que tirando os calçados, as energias negativas que acumulamos durante o dia ficam do lado de fora. Para nós, além de bonito o gesto, é higiênico e ajuda a manter as casas mais limpas por mais tempo.

3 - "Free tap water" (Europa e Estados Unidos)

Água de graça é um costume muito bonito da Inglaterra e Estados Unidos. Não é uma lei, mas ao chegar em um restaurante, o garçom logo te serve uma jarra com água de graça. Isso é cortesia do lugar e tem um baixo custo, visto que a água é da torneira. Não é em todo lugar, mas a maioria deles adota isso como política interna.

4 - Construção de tetos sustentáveis (França)

Desde 2015, algumas das novas construções da França precisam instalar telhados verdes ou painéis solares. A estratégia foi criada como uma forma de diminuir o uso de energia nuclear. Esses painéis são capazes de captar energia durante o dia e gerar energia para uso próprio.

5 - Trocar carros por bicicletas (Dinamarca)

No Brasil, a bicicleta é apenas um hobby ou usada para esportes. Em Copenhague, capital dinamarquesa, esse é o principal meio de transporte. No ano de 2016, foram registradas 13 mil bicicletas a mais do que o número de carros nas ruas. Além de contribuir para a saúde das pessoas, ajuda o meio ambiente.

6 - Costume de dar gorjetas (Estados Unidos)

Apesar de alguns brasileiros já terem adotado esse costume e alguns estabelecimentos também, ele não é algo obrigatório. Deixar essa pequena quantia em dinheiro quer dizer que ficamos agradecidos pelo serviço prestado. É uma forma de prestigiar o estabelecimento. Isso para os Estados Unidos é também uma forma de respeito e valorização do serviço do garçom.

7 - Cartão de agradecimento (Itália)

Na Itália, é comum as pessoas enviarem um cartão de agradecimento após uma festa ou jantar. Além de ser um prestígio a hospitalidade e gentileza do responsável pelo evento, ajuda a fortalecer os laços de amizade. No Brasil isso seria uma boa ideia, aliás, gentileza gera gentileza.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos.

Diogo Quiareli
Geminiano, 24 anos, goiano.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+