História

7 segredos da História do Brasil que você não ouve por ai

0

A história de nosso país guarda muitas manchas de sangue. A chegada dos portugueses marca o início de uma série de atrocidades que viriam a assolar os povos que verdadeiramente eram os donos dessas terras: os índios. O acontecimento como um todo, foi o que poderíamos chamar de invasão ao Brasil.

Sempre aprendemos muito sobre história na escola, desde o ensino fundamental, mas a verdade é que não nos passam tudo como exatamente aconteceu. Existem algumas curiosidades e casos pouco difundidos que aconteceram ao longo da colonização, e foi pensando nisso que separamos abaixo 7 segredos da história do Brasil que não são muito conhecidos. Confere aí!

1 – O nome do país

Brasil. Um nome realmente bonito, não acha? Bom, aprendemos que o nome foi escolhido em uma bela homenagem ao Pau-Brasil. Esta era uma árvore que cobria boa parte do território baiano, portanto, julgaram que não teria nome melhor. Acontece que, de acordo com o escritor e jornalista Eduardo Bueno, não foi somente pela árvore que escolheram a nomenclatura.

Ele conta que a palavra “brasil” é repleta de significados e que é muito mais antiga do que podemos imaginar. Segundo ele, se deriva da palavra celta “bress”, que por sua vez é de origem da palavra em inglês “bless“, que significa “abençoar”.

2 – E a descoberta do Brasil? Foi mesmo em 1500?

Aprendemos desde pequenos que nosso país foi descoberto pelos portugueses, no ano de 1500. Será mesmo? Bom, de acordo com um dos mais prestigiados professores de história brasileira atuantes em Portugal, Jorge Couto, essa história foi muito mal contada.

Segundo ele, o primeiro a pisar em nosso território foi o espanhol Duarte Pacheco Pereira, ao comando de uma frota de 8 navios, entre novembro e dezembro de 1498. Supostamente, o homem era de total confiança do rei de Portugal na época, D. Manuel I. Ele teria vindo em uma viagem secreta no intuito de saber um pouco mais a respeito da região. Teriam chegado a pisar em territórios do atual Pará e Maranhão.

3 – Então Cabral não teria chegado ao Brasil por acaso?

Não, a história conforme conhecemos pode ser apenas uma grande fraude. De acordo com as evidências registradas pela história, tudo indica que chegaram aqui de forma proposital. Assim como mencionado, há algum tempo D. Manuel já estava ciente das terras que existiam para os lados de cá, se mantendo informado por Duarte Pacheco.

Em sua ida à Índia, Vasco da Gama também teria percebido traços de terra firme ao longo da costa brasileira. Tudo isso já teria sido passado adiante para as autoridades de Portugal.

4 – Índios a bordo?

No local em que os portugueses chamaram de Porto Seguro, ocorreu o segundo contato entre os indígenas e os homens brancos. Explorando a região em que iriam ancorar, Afonso Lopes, que era o piloto, resolveu levar consigo dois homens dessas terras para apresentá-los a Cabral. Decidiu levar também alguns animais, dentre eles um papagaio, carneiro, e até mesmo uma galinha, esta, que amedrontou os portugueses.

5 – A viagem foi longa

A frota de Pedro Álvares Cabral demorou muito para chegar no território brasileiro. A viagem durou um pouco mais de um mês, na verdade, estima-se que tenham sido 45 dias a bordo dos navios. Ao todo, teriam  sido 10 caravelas que saíram de Lisboa em 9 de março do ano de 1500, com cerca de 1,5 mil tripulantes. O curioso é que um desses navios teria desaparecido no meio da viagem, junto a 150 homens.

6 – Os índios também tinham sua rivalidade

Quando os portugueses chegaram ao Brasil se depararam com povos completamente estranhos ao seu ver, sem roupas, e com uma língua incompreensível. Tratavam-se dos grupos indígenas tupiniquins e tupinambás. Durante o processo de colonização, os franceses chegaram a invadir nossas terras na tentativa de tomar o território.

Neste momento, os índios acabaram entrando em certa rivalidade. Os tupiniquins davam apoio aos portugueses, enquanto os tupinambás decidiram que apoiariam os franceses.

7 – Portugueses foram recebidos com dança

Ao contrário do que muitos pensam, os índios não atacaram os invasores e assim como os portugueses, pareceram impressionados com tanta gente diferente. Os portugueses teriam descido de seus navios com alguns instrumentos musicais, fazendo com que os indígenas se envolvessem com a música. Recepcionaram o homem branco com uma espécie de dança, que poderia até mesmo ser considerado como o primeiro samba.

E então pessoal, o que acharam? Compartilhem suas ideias com a gente, aí pelos comentários!

Quem é a quarta menina super-poderosa e por quê ela só apareceu agora?

Matéria anterior

Fósseis de 500 milhões de anos são encontrados no Brasil

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos