Curiosidades

7 teorias sobre quem realmente escreveu a Bíblia

0

Pois bem, quando falamos de religião, dogmas e crenças, o assunto pode nem sempre fluir tranquilamente. Mas não podemos negar que muitas são as teorias, ou vertentes que existem dentro do próprio circulo religioso, que discordam, rebatem ou atribuem uma nova interpretação a algumas conceitos da bíblia.

Pensando exatamente nisso, nós aqui da Fatos Desconhecidos, reunimos 7 teorias, ou seja, que podemos entender que não foram comprovadas e que apenas são estimadas a serem reais. O objetivo é mostrar o outro lado da moeda, sem atribuir razão ou discordando de nenhum dos lados.

Lembrando a vocês que e nós já falamos desse assunto anteriormente aqui na Fatos, então caso você tenha perdido ou queira relembrar, clique aqui e descubra quais são os 7 maiores erros de tradução que existiam na Bíblia.Agora sim, vamos para a matéria!

1- Teoria que alega que Moisés não escreveu de fato o Pentateuco

01

É completamente aceito tanto para os judeus como para os cristãos o fato de que Moisés escreveu o Pentateuco, que nada mais é do que os 5 primeiros livros do Velho Testamento, mas ainda assim existe algumas teorias que colocam em cheque a sua autoria. Para começar temos o fato de que Deuteronômio 34:5-10, falar exatamente sobre a morte desse homem bíblico, então como ele mesmo poderia tê-lo escrito?

Outro motivo que provariam que Moisés não é o autor dos livros, são os seus anacronismos, que nada mais é do que a citação de fatos que ocorreram muito tempo depois da sua morte.

2- Teoria que alega que os evangelhos na realidade são relatos de testemunhas oculares

02

Essa teoria se baseia no fato dos quatro evangelhos do Novo Testamente serem na realidade anônimos, e consequentemente só terem seus possíveis autores retribuídos já no segundo século, e são eles Mateus, Marcos, Lucas e João.

Porém, além desse fato, alguns estudiosos conseguiram perceber que estes livros funcionam muito mais como uma espécie de anúncio religioso do que como biografias de Jesus Cristo, além disso cada um deles apresenta uma interpretação particular da imagem de Cristo.

Por esses e outros motivos, alguns teólogos têm proposto que os Evangelhos foram criados como uma espécie de Midrash, que nada mais é do que um “remake” do que realmente aconteceu, e que foi observado no passado, e não no momento em que foi escrito.

3- Teoria que alega que Mateus e Lucas teriam plagiado Marcos

 03

De um modo geral, os estudiosos do Novo Testamento tendem a concordar com o fato do evangelho de Marcos ter sido escrito primeiro, além disso ele é mais curto, possui um grego ruim e comete até mesmo alguns erros geográficos.

Mas apesar disso o evangelhos de Mateus e Lucas possuem muitas “releituras” do que foi escrito anteriormente, a semelhança de conteúdo é tamanha que foram identificados 607 dos 661 versos de Marcos, reescritos no livro de Mateus, e outros 360 versos da mesma obra reescritos no livro de Lucas.

Para alguns estudiosos, os dois livros portanto seriam versões melhores, com uma escrita mais elaborada que o original, estilo, precisão e teologia, porém versões!

4- Teoria que acredita na existência de um livro perdido

 04

Pois bem, baseados na mesma questão que mencionamos acima, alguns estudiosos puderam concluir que existe na realidade um livro perdido, visto que em Mateus e em Lucas existe um material comum, que não pode ser encontrado em Marcos.

5- Teoria que alega que Simon Magus e São Paulo eram a mesma pessoa

 05

Simon Magus ficou conhecido como o pai das heresias, segundo a igreja católica. Mas qual seria sua relação com Paulo afinal? Bem, para Herman Detering e Robert Price, os manuscritos de Paulo, são desconexos, incoerentes e conflitantes com a teologia, afinal, poderia as mulheres participar da igreja ou não?

Paulo defendia uma lei humana ou não? E etc. Por esse motivo, as suas cartas teriam sido retrabalhadas por escribas posteriores, mas caso você compare a sua obra original com os manuscritos de Simon, eles são praticamente os mesmo.

6- Teoria que alega que as Epístolas Pastorais são falsificações

06

Para quem ainda não sabe, as Epístolas são cartas escritas por Paulo, que compõem o Novo Testamento, e essa teoria se baseia no fato das cartas escritas a Timóteo e a Tito se diferenciarem do estilo de escrita e foco teológico de Paulo, por esse motivo, acredita-se que essas cartas sejam na realidade obra de um falsificador. Que fez isso, realmente com o objetivo de se passar pelo apóstolo.

7- Teoria que alega que João não escreveu o Apocalipse

07

Esse questionamento não é nada recente, e já no terceiro século já era questionado se João realmente tinha escrito o livro de Apocalipse ou não. Isso porque Christian, um escritor de Alexandria, já havia utilizado técnicas que até hoje são consideradas modernas, para identificar a grande diferença entre o grego elegante e bem colocado de João, e a escrita do livro de Apocalipse que é atribuída a ele. Além disso, o João do Apocalipse se identifica na obra, sendo que o Apóstolo João jamais havia feito isso anteriormente.

E então queridos leitores, você já sabiam da existência dessas teorias? Acham que alguma delas realmente pode ser possível? Conta pra gente aqui em baixo nos comentários.

9 coisas que só as pessoas que nunca namoraram vão entender

Matéria anterior

6 celebridades que postam nudes no Snapchat e que você precisa seguir hoje ainda

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.