• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


8 desenhos que mostram como crianças traumatizadas veem o mundo

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      19/02/19 às 18h02

Crianças, geralmente, são uma fonte de amor e inocência e que exigem o cuidado e carinho dos pais e das pessoas que as cercam. Mas nem sempre todas as crianças têm esse privilégio e conseguem ter uma infância normal ou sem eventos que as traumatizem.

Existem crianças que tentam entrar com seus pais em países mais desenvolvidos para tentar uma vida melhor, como é o caso de muitas pessoas que tentam ir para os EUA. Mas o novo presidente fez uma política de tolerância zero que separa as famílias migrantes na fronteira dos EUA com o México. E depois de somente seis semanas, mais de 2.600 crianças foram tiradas de seus pais, ou dos adultos que tentaram levá-las para o país.

O trauma psicológico que essas crianças estão sofrendo provavelmente irá acompanhá-las por toda sua vida. E descobrir o trauma sofrido pelas crianças pode ser bastante difícil porque nem sempre elas dizem o que estão sentindo. Por várias décadas, o Comitê Internacional de Resgate (IRC) trabalhou com dezenas de milhares de crianças que sofreram o que eles chamam de estresse tóxico. Em alguns casos, o IRC usou o desenho para ajudar as crianças a se abrirem e para que elas pudessem mostrar o que estavam sentindo e processar o trauma. "Ao longo das décadas, as crianças estão expressando o trauma da violência de maneiras muito semelhantes", diz Sarah Smith, diretora sênior de educação do IRC. Segundo ela, os desenhos mostram como as crianças precisam de apoio psicológico e social. Listamos aqui alguns desses desenhos.

#1

Esse desenho foi feito por uma criança que atuou como ex-soldado em Uganda, em 2002. O Exército de Resistência do Senhor sequestrou mais de 30.000 crianças para que servissem como crianças-soldados no período da guerra de 20 anos com o governo de Uganda.

#2

O IRC trabalhou com as crianças, quando o Exército de Resistência do Senhor estava no seu auge do terror. Esse desenho foi feito também por uma ex-criança-soldado em Uganda, no ano de 2002.

#3

Em 2017, o IRC conversou com os menores desacompanhados que estavam no campo de refugiados de Azraq, na Jordânia, e que acolheu mais de um milhão de refugiados sírios.

#4

Entre 1991 a 2002, Serra Leoa sofreu uma guerra civil onde as crianças constituíam 50% da força de combate rebelde e um quarto das forças do governo. Esse desenho foi feito por ex-crianças-soldados que foram transferidas para os centros de atendimento do IRC e lá eles expressaram suas experiências em desenho.

#5

Esse é o desenho de uma menina síria de 16 anos que fugiu para a Jordânia com seus três irmãos, depois que um bombardeio matou seus pais e sua irmã. Ela passou três meses na área de acampamento infantil do IRC e depois se reuniu com seus avós. "Um par de dias atrás, meu irmão me disse que ele sonhava com o bombardeio. Então eu desenhei ele, como ele está dormindo e sonhando com o bombardeio. Eu mostrei a ele a pintura e ele começou a rir de mim; ele me disse que esse não era o sonho dele. O sonho dele era mais intenso", disse a menina.

#6

Esse é o desenho de uma criança do Camboja em 1979 e que tem o título de "Papai não vai à guerra". O IRC ofereceu ajuda no fim da década de 1970 para os refugiados indochineses.

#7

Esse foi um desenho feito por volta de 2001 por uma criança de Serra Leoa.

#8

Em 1979, esse desenho feito por uma criança de 12 anos de idade chamada Zana, do Camboja, foi intitulado de "Nascida para sofrer".

Próxima Matéria
Via   Time  
Imagens Time
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+