9 alimentos venenosos que você adora comer

POR Ultra Curioso    EM Ciência e Tecnologia      23/09/15 às 19h52

Já ouviu dizer que uma pessoa é o que ela come? Essa é uma grande máxima da nutrição, mas não significa que se você comer uma batata você se transformará em uma, não. Mas sim que o estado do seu corpo, sua mente e do seu 'espírito' dependem de tudo o que você ingere no dia a dia.

Felizmente por essa e por outras, nos dias de hoje há uma onda de "mantenha-se saudável", e cada vez mais as pessoas tem procurado cuidar do corpo - academias fitness, aulas de dança, exercícios em casa - e da alimentação, através de dietas balanceadas, ingestão de alimentos naturais como sucos de fruta, verduras, legumes e cereais.

Entretanto, há certos alimentos comercializados livremente e considerados super saudáveis mas que podem levar qualquer um ao óbito. Respire, não entre em pânico! Essas comidas só são fatais se consumidas em excesso ou preparadas do jeito errado. Mas mesmo assim, é bom saber quais são eles.

O Ultra Curioso vai te mostrar 9 alimentos venenosos que você adora comer, e com certeza a maioria faz parte do seu cardápio diário.

1. Mandioca

mandioca_natural_2_jpg_465x600_upscale_q85

Considerada a terceira fonte mais importante de calorias nos países tropicais, a mandioca pode ser muita gostosa mas também perigosíssima. Suas raízes e folhas, quando são preparadas de forma incorreta, liberam o cianeto de hidrogênio - uma substância tóxica e letal.

A mandioca precisa ser preparada com total cuidado, e para que o veneno seja extinto deve-se cozinhar ou fermentar a planta (submetendo-a altas temperaturas) para que esta não cause intoxicações.

2. Maçã

11171246195749

As maçãs são frutas famosas pelo seu efeito benéfico para os dentes e a garganta. A fruta tem o poder de limpar o muco nas cordas vocais, melhorando a voz e a deglutição.

Entretanto, há partes da maçã que podem até fazer mal para o ser humano. As sementes da maçã possuem cianeto, mas em um nível muito baixo. Porém, consumir muitas dessas sementes pode ser muito prejudicial à saúde. Por isso, procure comer apenas a maçã, e não as sementes.

3. Tomate

Tomate Libertador_expande

Que o tomate na verdade é uma fruta, muita gente já sabe (o que não significa que você deva colocá-lo numa salada de frutas!), e está na mesa de milhões de brasileiros todos os dias. Ele é comprovadamente benéfico para a saúde, e foi descoberto que pode até ajudar no tratamento do câncer. Mas "a luz que guia também pode cegar".

Os caules e folhas do tomate contêm glicoalcaloides, o que podem causar nervosismo em taxas elevadas e problemas gastrointestinais. Muitos usam essas partes da planta para dar um gosto a mais na salada, por isso é extremamente importante remover o veneno antes de consumir, através do cozimento.

4. Cereja

cereja1-450x299

A cereja é uma frutinha que, além de ser fonte de vitaminas e minerais, é tão gostosa que virou até ditado popular: "você é a cereja do bolo". Mas a fruta, apesar de ser saborosa, também pode causar mal à saúde. Ela pode liberar o ácido cianídrico, que é uma substância capaz de gerar dor de cabeça, confusão mental e vômitos.

Mas isso só ocorre quando é consumida em altas doses, o que é raro. O caule da cerejeira também é uma fonte de toxina, mas este não costuma ser consumido.

5. Amêndoas

poormenalmond_2S

Apesar de serem bastante populares devido ao sabor marcante, as amêndoas amargas também contém aquela substância nociva já mencionada: o cianeto. Porém, não se preocupe: antes de serem liberadas para consumo, elas são devida e obrigatoriamente processadas para a remoção do veneno.

Mas isso é um processo delicado, e países como a Nova Zelândia até proíbem sua comercialização.

6. Cogumelos

cogumelo champignon conteudo_17218_39816

Existem milhares de espécies de cogumelos, mas só algumas podem ser consumidas pelo ser humano. O shiitake, por exemplo, são muito apreciados pelo seu gosto característico.

Mas o problema está na hora de distinguir  os cogumelos que são comestíveis dos que são venenosos. Existem maneiras específicas de se identificar os comestíveis, mas essas maneiras não são infalíveis. Algumas espécies de cogumelo podem até matar um ser humano adulto.

7. Noz moscada

Uso-medicinal-da-noz-moscada2

A noz moscada é uma especiaria muito usada em várias comidas, mas saiba que existem até casos documentados de morte causadas por ela: um em 1908 e um em 2001.

Mas para que a noz moscada fosse capaz de matar alguém, ela precisaria ser ingerida por inteiro para que a substância alucinógena que ela contém possa fazer efeito. Entretanto, para se ter uma ideia a ingestão de 10 gramas leva a alucinações e apenas 2 gramas da noz pode causar náuseas, febre e dores de cabeça.

8. Pimenta

pimenta_malagueta_copia_54

A pimenta é praticamente uma paixão nacional: ela está em diversos pratos e dá um toque especial e picante aos alimentos, deixando-os mais saborosos. Mas saiba que, se consumida em excesso, a pimenta pode levar à morte devido às toxinas características que ela possui.

O que evita a intoxicação é a ingestão moderada, até porque ninguém come um prato cheio de pimenta, certo? A substância que dá o sabor picante se chama capsaicina, e é o que torna a pimenta tão atrativa.

9. Batata

ba

A batata é um alimento que vai bem de quase todo jeito: em purês, frita, cozida, grelhada. Mas ela é outro alimento que, assim como o tomate, contém glicoalcaloides nas folhas, substância altamente prejudicial.

Apesar de a folha não ser consumida, a substância também pode estar na própria batata. Uma maneira eficaz de identificar se há glicoalcaloides em excesso na batata, é pela sua cor: o excesso da substância faz o alimento ficar verde.

Fontes: Super Interessante, Saúde Terra

Ultra Curioso
Ultra Curioso o acervo de um dos maiores sites de curiosidades brasileiros.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+