Ciência e Tecnologia

Como te afetou o que sua mãe comeu durante sua gravidez?

0

A Fatos Desconhecidos já fez uma matéria para vocês mostrando o que o bebê sente quando a mãe faz sexo na gravidez, e hoje, vamos mostrar como a alimentação da mãe na gravidez pode afetar o bebê. Quando a mulher fica grávida, é claro que ela deve se preocupar e se cuidar em relação a sua alimentação. Além disso, hábitos como fumar, beber ou abusar de alimentos ricos em açúcar também não é aconselhável.

Todas essas coisas são feitas pensado no bem da criança, certo? Um novo estudo da Unidade do Conselho de Pesquisa Médica, com sede na Gâmbia, junto ao Grupo Internacional de Nutrição da Escola de Higiene e ao Medicina Tropical de Londres e uma equipe de cientistas do Baylor College of Medicina, em Houston, fizeram alguma revelações curiosas. O estudo determinou que a dieta de uma grávida é a chave para um gene que influência o sistema imunológico e o risco de câncer para criança.

O estudo

 

O cientistas mediram a concentração de vários nutrientes no sangue de cerca de 170 mulheres no estágio inicial da gravidez. Metade tinham engravidado em época chuvosa. A outra metade em época de seca. O DNA dos bebês também foram analisados após o nascimento. A mulheres da região foram interrogadas sobre a alimentação ao longo das estações.

Mas o que um gene tem a ver com isso?

O que acontece é que pequenas diferenças no nosso DNA podem afetar nosso risco de desenvolver certas doenças. Sendo assim, o DNA de um bebê pode ser modificado pela dieta da mulher durante a gravidez, e não apenas antes. Os pesquisadores localizaram um gene chamado VTRNA2-1, que é particularmente sensível a essas mudanças na dieta.

Os resultados indicaram que existem uma relação entre a dieta das mulheres e os genes de seus filhos. O que surpreendeu foi a conclusão de que a alimentação antes da concepção influencia mais do que o que foi consumido durante a gravidez. O estudo diz que a dieta antes da gravidez implica em alterações químicas que afetam quando os genes se tornam ativos e como eles se comportam. Nem todos os genes são ativos todo o tempo. Caso eles funcionam em níveis altos ou baixos demais, podem causar problemas.

Alterações genéticas podem ser corrigidas, outras não. “A pesquisa pontua a necessidade de um coquetel de nutrientes, que poderia vir em forma de dieta ou suplementos. O mais animador é que parecemos ter encontrado informações que podem trazer consequências para as mulheres de todo o mundo que querem engravidar”, disse Prentice, um pesquisador do estudo.

Esse estudo é o primeiro q mostrar que a dieta de uma mãe antes da gravidez pode afetar o risco da doença da criança. Mas e você, sabia que a alimentação de uma mãe tinha tanta influência na saúde da criança? Comente!

6 histórias pouco noticiadas de celebridades que estão fazendo o Brasil melhor

Previous article

12 melhores e piores namorados dos signos do zodíaco

Next article

Comments

Comments are closed.