• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Essa foi a primeira coisa já observada acontecendo dentro de um buraco negro

POR Mateus Graff    EM Ciência e Tecnologia      15/06/16 às 19h08

Um buraco negro é uma região do espaço na qual nada, nem mesmo partículas que se movem na velocidade da luz poderiam escapar de serem engolidos. O buraco negro é um resultado da deformação do espaço-tempo, causada após o colapso gravitacional de uma estrela, com uma matéria astronomicamente maciça e ao mesmo tempo infinitamente compacta.

Resumindo, um buraco negro é um buraco escuro, enorme, grande, gigantesco engolidor de coisas e que consome tudo e todos que apareçam na frente. Uma colaboração internacional de astrônomos detectaram um fenômeno visto pela primeira vez, nuvens gigantes de gás frio foram vistos por um telescópio chamado Telescópio ALMA, correndo em direção de um buraco negro supermassivo na incrível velocidade de quase 300 quilômetros por segundo.

001

Grant Tremblay, uma astrônomo da Universidade de Yale, declarou o seguinte: "Embora tenha sido uma dos principais previsões teórica nos últimos anos, esta é uma das primeiras peças inequívocas de evidência observacional para uma chuva caótica, onde gases frios alimentam um buraco negro supermassivo"

A equipe olhou para o impressionante Abell 2597, um cluster cerca de 50 galáxias localizadas a cerca de um bilhão de anos-luz da Via Láctea. O núcleo do cluster é uma enorme galáxia, cerca de 600.000 anos-luz de diâmetro, que hospeda o buraco negro supermassivo.

002

E espaço intergalático dentro do cluster é preenchido com gás ionizado quente. Sob as condições certas, o gás pode rapidamente arrefecer à medida que cai em direção ao centro das galáxias, lançando sombras sobre a luz que detectam a partir do buraco negro supermassivo.

Tremblay ainda declara o seguinte: "Esse gás quente pode rapidamente condensar, da mesma forma que o ar quente e úmido na atmosfera da Terra pode gerar nuvens de chuva a precipitação."

003

Em um certo estudo, os pesquisadores descrevem a detecção de três grandes aglomerações muito perto do buraco negro, cada uma ostentando uma massa de mais de um milhão de sóis e dezenas de anos-luz de tamanho.

Embora apenas três nuvens foram detectadas, os astrônomos acreditam que pode haver milhares de nuvens ao redor da galáxia. É provável que no buraco negro supermassivo tenha altas temperaturas, aquecendo um pouco do gás em queda. Isso irá parar temporariamente a chuva fria, mas com o tempo o arrefecimento do gás vai acontecer, e aí o ciclo se recomeça.

E aí caros leitores, o que vocês acham da primeira coisa que já foi observada dentro de um buraco negro? Será que isso pode ser uma grande evolução nos estudos astronômicos? Comentem!

Próxima Matéria
Mateus Graff
https://www.instagram.com/mateusgraff/ https://www.facebook.com/mateus.adjutomartinsgraff
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+