Curiosidades

Macacões que imitam corpo musculoso estão na moda nas plataformas de comércio eletrônico chinesas

0

Por conta da pandemia ocasionada pelo novo coronavírus, 2020 foi um ano extremamente difícil para os bodybuilders e os adeptos da academia. Como ainda estamos vivendo sob as restrições impostas que impedem a transmissibilidade do vírus, 2021 segue sendo um ano complicado para o grupo.

Como temos por aí uma infinidade de empresas que tentam facilitar a vida de todos os grupos sociais, a realidade daqueles que adoram ‘puxar um peso’ para definir o corpo está prestes a mudar. Isso mesmo. Você, que é do tipo que luta para ter o corpo que tanto sonhou, agora, pode tê-lo. E o melhor: sem sair de casa e sem mover um músculo.

Novos acessórios

Os macacões de silicone, que são produzidos pela empresa chinesa Smitizen, imitam os corpos esculturais que estamos acostumados a ver expostos nas capas de revistas. O produto foi criado para aqueles que desejam ter um corpo definido sem precisar sair de casa. Curiosamente, os macacões são extremamente realistas, com músculos com veias salientes, e aderem perfeitamente ao corpo.

Os trajes, como é possível ver na foto acima, criam a ilusão de um corpo perfeitamente tonificado, especialmente quando usado sob uma camisa justa. Alguns até vêm com pêlos, que, obviamente, são falsos. À primeira vista, o produto pode até ser ridicularizado por alguns, mas, segundo uma reportagem publicada pelo portal Odditycentral, os macacões, aparentemente, têm se tornado cada vez mais populares nas plataformas de comércio eletrônico chinesas, como, por exemplo, o Taobao e Aliexpress.

Mesmo estando em foco apenas agora, esses macacões formados de musculosos realistas estão disponíveis no mercado há pelo menos dois anos. Não obstante, a qualidade do produto melhorou muito desde que foram lançados. E, acredite ou não, os macacões em questão já foram usados em diversos filmes e programas de TV com o objetivo de fazer com que os atores transparecessem a ideia de que estavam em forma.

Com o advento da impressão 3D e outros avanços tecnológicos, novos modelos passaram a ser fabricados. Hoje, o produto atende todas as idades e todas as estruturas corporais. Os macacões podem ser adquiridos entre 790 yuans – 3980 yuans (US$ 120 – US$ 610). O preço varia de acordo com o tamanho e a qualidade.

Alguns dos trajes realizas cobrem apenas o tronco, deixando os braços expostos, outros cobrem toda a parte superior do corpo, enquanto os mais avançados cobrem todo o corpo, fazendo você parecer um fanático por academia.

Mais saudável que outras opções

Sim, entendemos perfeitamente que você pode achar que esses macacões são absurdos, mas o produto é definitivamente melhor do que outros meios que estão disponíveis e que prometem um corpo perfeito. E, sinceramente, em comparação a tais vias, são mais saudades, afinal, não causa dano nenhum à saúde como anabolizantes, por exemplo.

Há também quem recorra a outras substâncias, como Valdir Segato, um fisiculturista brasileiro de 50 e poucos anos que há anos injeta uma substância à base de óleo nos músculos da parte superior de seu corpo.

Segato adotou a prática quando perdeu peso durante a adolescência. Na época, era chamado pelos amigos de ‘Cachorro Magro’. Mesmo indo à academia todos os dias, Segato optou a obter resultados rápidos e, por isso, começou a utilizar uma substância chamada sintol.

Segato foi instruído a não utilizar a substância, capaz de ocasionar sérios problemas de saúde. Mesmo assim, seguiu com o uso. Felizmente, ao que parece, Segato não teve nenhum tipo de complicação.

Conheça a história do casal que reflorestou um deserto

Matéria anterior

Fique por dentro do pior ataque cibernético que os hackers já promoveram

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.