• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


O que acontece quando engolimos o chiclete? E o papel do Trident?

POR Magno Oliver    EM Ciência e Tecnologia      26/10/15 às 15h08

Mascar um chicletinho é um hábito que você e mais milhões de pessoas já fizeram nessa vida. Redondos, quadradinhos, em formatos diferentes, não importa o tipo e o sabor, chiclete é um entretenimento alimentar que distrai muita gente.

Você sabia que os sabores distintos de algumas frutas dão origem ao famoso, e bastante consumido, sabor  tutti-frutti? E aqui no site da Fatos Desconhecidos, nós já desvendamos para você o segredo do chiclete de sabor tutti-frutti.

Você sabe qual é? Então (Clique aqui e veja a matéria) descubra quais são os sabores que compõem o tutti-frutti dos chicletes. Mas além de consumir os vários sabores e mascar várias gomas, muita gente passa pelo acidente de engolir o chiclete.

E o que será que acontece quando engolimos o chiclete? E o papelzinho que nele vem embalado, será que faz mal?

chiclete1

As lendas urbanas sempre contaram que se você engolir um chiclete, ele ficará parado no seu estômago para sempre ou que a pessoa passaria cerca de 7 anos com ele alojado na barriga. Mas não é bem isso que acontece com esse composto à base de goma de mascar, aromatizantes, emoliente, conservantes e bastante açúcar.

Mas engolir a goma e achar que pode passar mal por isto é apenas um mito que te contaram e nossas mães ficaram repassando de geração a geração. Quando se ingere uma goma de mascar, ela simplesmente passa pelo sistema digestório e acaba saindo por meio das fezes.

Os compostos contidos no chiclete, como os conservantes, o açúcar e os corantes acabam sendo digeridos, no entanto nenhuma das enzimas estomacais consegue digerir a goma e o intestino acaba excretando-a, de forma intacta, pelas fezes.

De acordo com o gastroenterologista Guilherme Becker Sander, "Componentes como corantes e açúcar, utilizados para dar sabor à goma, são dissolvidos ainda na boca, durante a mastigação, e depois são absorvidos. Mas o chiclete, caso engolido, é eliminado junto com as fezes".

100809557116259

Depois que um chiclete é mastigado e processado pela boca, assume uma forma de goma pequena que passa, sem dificuldade alguma, pelo estômago e os intestinos.

O chiclete acabou se tornando uma "goma de entretenimento bucal adocicada" durante o período da Segunda Guerra Mundial com os soldados americanos protagonizando essa narrativa. Além disso, entram no cenário o cultivo dos sapotizeiros que não atendia mais à demanda(as primeiras versões do chiclete industrial foi fabricada com a seiva do sapotizeiro, o chicle).

As gomas de mascar atuais utilizam polímeros naturais ou mesmo de fabricação sintética. Cada fabricante tem sua fórmula e material, com o intuito de conseguir sabor e elasticidade em teores considerados "perfeito".

O papel do chiclete é comestível?

230548904_48c9228d42

De acordo com o próprio fabricante do chiclete, a goma é envolta de um papel parafinado com o único intuito de proteger e impedir que os outros chicletes grudem uns nos outros. É mais uma questão de evitar que eles se grudem do que propriamente ser feito para ir parar na sua boca e ser consumido.

Muitas teorias afirmam que o papel do chiclete era feito de arroz e impresso com uma espécie de corante comestível embutido, no entanto isso é apenas um mito.

O site da Trident informa na aba do Atendimento ao Consumidor:
"O papel do Trident é comestível?

Informamos que o papel interno do produto não é comestível. Sua única função é proteger as gomas, evitando que as mesmas se grudem."

Você já comeu o papelzinho do Trident? Já engoliu o chiclete alguma vez? Mande para gente nos comentários, conte aí a sua experiência com chiclete.

Próxima Matéria
Magno Oliver
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+