CuriosidadesMundo Animal

Veja o que acontece quando um molusco é deixado em uma mesa com sal

0

Sabe aquelas conchinhas que as pessoas adoram pegar na beira do mar? Sim, estamos falando daquelas que se tornam enfeites e até mesmo bijuterias. Elas, na verdade, são a casa de moluscos, como a ostra e os mariscos, que vivem sob essa proteção durante um tempo e, embora as conchar são seja uma parte viva de seu corpo, elas crescem de uma camada de pele dessas espécies, chamada manto.

Estamos falando tudo isso porque muitas vezes as pessoas esquecem ou simplesmente não sabem que dentro desses pequenos objetos, habitam seres vivos. Aliás, o vídeo que você vai conferir abaixo deixa essa informação bastante clara. Isso porque as imagens mostram, de uma forma até um tanto bizarra, como esse pequeno molusco sai de sua “casinha” quando é deixado em uma mesa cheia de sal.

Como você vai ver, a impressão que nos passa, é que o bichinho se trata, na verdade, de um grande língua gosmenta, que tenta lamber o sal sobre a superfície. Mas, segundo os biólogos, não é nada disse que está acontecendo.

Os especialistas não sabem ao certo porque o molusco fica tão inquieto na situação do vídeo, mas eles dizem que pode ser uma tentativa do animal escavar ao seu redor para “ancorar”, o que ele faria se estivesse em seu ambiente natural. Outros, no entanto, dizem que a insistência que o molusco apresenta em encostar no sal e voltar para seu abrigo é que, no meio da tentativa de escavação, o sal pode estar “queimando” sua superfície ao entrar em contato direto com ela.

Mas, mesmo que seja uma reação considerada estranha por porte dos estudiosos do assunto, ela também é curiosa e vale a pena ser observada. Veja:

Quer continuar desvendando o mundo do animais? Então confira: Os peixes mais mortíferos e assustadores do mundo aquático e Os animais de vida mais longa no mundo.

Tyler Hadley: o garoto que assassinou os pais para dar uma festa

Matéria anterior

20 motivos pelos quais você não gostaria de ser o Luciano Huck

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos