Entretenimento

10 capas de álbuns famosos que foram substituídas por K. K. Slider, de Animal Crossing

0

Recentemente, artistas de todo o mundo começaram a fazer ilustrações, colocando o cãozinho músico de “Animal Crossing: New Horizons”, K. K. Slider, na capa de álbuns nacionais e internacionais. E, pensando nisso, separamos as melhores ilustrações de K. K. Slider que, seja de qual for o gênero musical, já é um verdadeiro sucesso.

Todo esse sucesso se dá porque o personagem é uma verdadeira celebridade dentro do universo do jogo, e conta com muitos álbuns para os jogadores colecionarem. Assim, cada um destes álbuns tem uma capa diferente. Contudo, os designs usam os mesmos elementos de capas encontradas no mundo real. Por conta disso, artistas e fãs da franquia Animal Crossing começaram a imaginar como seria se o K. K. Slider estampasse capas icônicas.

1 – Born to Die (Lana Del Rey, 2012)

Lançado em 2012, Born to Die é o segundo álbum de estúdio da artista musical de Lana Del Rey. Contudo, nas mãos de Cris Lavender, o álbum ganhou pegada diferente.

2 – Na Cabeça e na Cintura (É o Tchan!, 1966)

E claro, não poderíamos esquecer o grande “É o Tchan!”. Mas aqui, de acordo com o @MongeHan, esse é o “KKTchan!”.

3 – Clube da Esquina (Lô Borges e Milton Nascimento, 1972)

Depois de outros clássicos, chegou a hora de Clube da Esquina ganhar uma versão do grande K.K. Slider. Dessa forma, eu me perguntou o que compositores do álbum acharam da homenagem do Paulo Moreira.

4 – Because the Internet (Childish Gambino, 2013)

Because the Internet é o segundo álbum de estúdio do artista americano Donald Glover, sob o nome artístico de Childish Gambino. Mas, aqui, imaginamos como seria o artista no mundo Animal Crossing. Por isso, agradeçam à @Momorsa.

5 – Monomania (Clarice Falcão, 2013)

Já que há muita ilustração, de fato, são quatro, ou cinco, ou seis, ou mais, sempre há espaço para mais uma. Desse modo, o álbum de estreia da Clarice Falcão, ou “K. K. Falcão”, feito pela Isabel Vargas, não poderia ficar de fora.

6 – Raio X Brasil (Racionais MC’s, 1993)

Mostrando que também sabe rimar, K. K. Slider, desenhado pelo @peixeaquatico, estampa a capa de um dos álbuns mais importantes do rap nacional. Portanto, só nos resta imaginar como seria um “Fim de Semana no Parque”, ou Vilarejo de Animal Crossing.

7 – Verde Que Te Quero Rosa (Cartola, 1977)

Citando Cartola, eu canto “deixe-me ir, preciso” ir para casa e jogar Animal Crossing: New Horizons. De fato, não faltou nenhum gênero musical, já que o @tucaas mostrou que o K. K. Slider também frequenta uma boa roda de samba.

8 – 111 (Pabllo Vittar, 2020)

E pra quem está achando que estávamos esquecendo de algo, aqui vai o mais recente álbum da Pabllo Vittar, “111”, ilustrado pela @trostes.

9 – Joanne (Lady Gaga, 2016)

No quinto álbum de Lady Gaga, temos K. K. Slider um tanto quanto diferente. Mas, mais uma vez, ele prova que é um artista extremamente versátil, sendo desenhado pela @laislibe.

10 – Aladdin Sane (David Bowie, 1973)

Por fim, colocamos um dos álbuns mais icônicos de todos os tempos, ilustrado pela @kakimari. Aqui, K. K. Slider se mostrou um verdadeiro camaleão, bem como David Bowie foi.

7 filmes perturbadores que você nunca ouviu falar

Matéria anterior

7 filmes de super-herói que nunca aconteceram

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos