História

10 cidades mais difíceis de se chegar do mundo

0

Alguns de vocês já deve conhecer cidades do Brasil que são de difíceis acesso, tanto para o turismo quanto para a chegada de suprimentos. Mas nessa matéria, você vai conhecer as 10 cidades mais difíceis de se chegar do mundo, algumas delas com acesso apenas por água ou pelo ar. E são as cidades mais loucas que vocês possam imaginar, tanto uma cidade subterrânea quanto uma cidade que fica 6 meses no escuro.

Conheça aqui então, nossa lista dos 10 lugares de mais difícil acesso do mundo, e que talvez vocês vão morrer de vontade de conhecer algumas delas. Veja:

1 – Iquitos, Peru

iquitos-peru-1[8]

No Peru, na borda da floresta amazônica, existe uma cidade com 400.000 habitantes que não tem acesso por terra. Ela pode ser alcançada apenas por um rio, razão pela qual a cidade é um dos principais pontos para se conhecer uma enorme área virgem. Na verdade existe uma estrada que liga de uma cidade a outra, mas ela termina sem chegar a destino algum.

2 – Endimburgo dos Sete Mares, Tristão da Cunha

1280px-St-Helena-Jamestown-from-above

Esta é uma cidade localizada na ilha Tristão da Cunha, um lugar remoto que não se encontra na maioria dos mapas, localizado no sul do Atlântico, a três mil quilômetros da África e dois mil quilômetros da América do Sul. A cidade não tem portos nem aeroportos, tornando-a muito difícil o acesso. Apesar disso, as pessoas vivem muito bem, pois a cidade possuí água encanada e energia elétrica. A ilha agora faz parte do território britânico.

3 – Whittier, Alaska

whittier-alaska-by-Robbie-Shade

Já ouviu falar em uma cidade que é ligada a outra apenas por um túnel, e que esse túnel fica com as luzes desligadas a noite? Quando está no verão (quando não há luz) algumas pessoas vivem nessa cidade, no inverno, quando tudo fica escuro. Nessa época existem 200 habitantes permanentes e a maioria vive em um imenso prédio de 14 andares. Nesse prédio possui várias coisas, entre elas lojas e até uma igreja, acredita-se que as pessoas vivem assim para manter o ambiente aquecido.

4 – Villa Las Estrellas, Antarctica

Villa_Las_Estrellas_(Chilean_Antarctic_Territory)

Basta saber que a cidade está na Antartica para ter uma ideia de que ela é um pouco perdida. Ela está localizada em uma das muitas ilhas que rodeiam o continente e tem em média 100 habitantes. Por incrível que pareça, na cidade existe uma pequena estação de correios, uma igreja e até internet, mesmo que seja limitada para apenas três computadores, e provavelmente eles não irão ler essa matéria.

5 – La Rinconada, Peru

1996817

A cidade de Rinconada é cheia de assentamentos em uma altitude muito elevada. Na cidade não existe água corrente devido a altitude, mas mesmo assim tem cerca de 50.000 habitantes. Além de bonita, a cidade é cercada por minas de ouro. A economia é baseada principalmente na extração de ouro da mina situada nas proximidades da cidade. Muitos mineiros trabalham na mina pertencente a uma empresa chamada Corporación Ananea. Sob um sistema de trabalho conhecido como cachorreo, eles trabalham por 30 dias sem pagamento algum. No 31° dia, os mineiros podem obter todo o minério que eles puderem carregar sobre seus ombros.

6 – Supai Village, Arizona, Estados Unidos

havasu falls

Agora vamos falar de um lugar que seja um pouco mais perto da civilização, mas que mesmo assim são locais remotos. Supai Village está localizado no Arizona e embora poucas pessoas entendam, é um lugar turístico para que adora um lugar cercado por belezas naturais. Você pode chegar lá apenas por helicóptero ou a pé, e lá é o único lugar dos Estados Unidos onde o correio ainda faz entregas do modo antigo, de mula.

7 – Coober Pedy, Austrália

Coober-Pedy-underground-church

Chegar em uma cidade e não ver nada e saber que a cidade está em baixo de seus pés deve ser muito estranho. Coober Pedy é de fato uma cidade mineira, completamente debaixo do chão e que inclui as casas dos mineiros em baixo da água também. Na cidade pode-se encontrar igrejas, bares, lojas e todas as comodidades possíveis. Além dos habitantes e suas famílias, que totalizam 1600 pessoas, existem u grande número de espectadores.

8 – Longyearbyen, Noruega

destinos_pintados_con_lapices_de_colores_132705669_650x

Este é um outro lugar que está localizado perto do Polo Norte onde os invernos ficam seis meses no escuro. Não há um número exato de pessoas que moram lá e as casas frias são construídas sobre palafitas no gelo para evitar que elas possam dissolver. Para viver na cidade é obrigatório ter um emprego, consequentemente não tendo nenhum crime. Apesar da cidade ser tranquila quanto a violência, todos precisam ter armas para usarem no caso do aparecimento de ursos polares.

9 – Palmerston, Ilhas Cook

Aitutaki-118241

Este é um dos lugares mais incríveis desta lista. A cidade de Palmerston, das Ilhas Cook, que basicamente é um arquipélago de pequenas ilhas de areia que estão interligados pelo recife acima da água. A água é o que impede os aviões de pousar lá, e por isso as ilhas podem ser alcançadas apenas por barco particulares, ou com os barcos que levam suprimentos para os habitantes.

10 – Oásis de Siwa, Egito

oasis-siwa-t660

Quem nunca teve o desejo de conhecer um oásis? O Oásis de Siwa, no Egito, é cercado por cem quilômetros de exatamente nada. Não existe nada ao redor, apenas o deserto. No entanto, as nascentes de água doce permitem o nascimento da vegetação e até mesmo a eletricidade através de painéis solares. Com todos esses recursos, o lugar está desenvolvendo o turismo.

E aí caros leitores, quais desses lugares vocês desejariam conhecer? Comentem aqui pra gente.

Mulher finge estar com câncer e arrecada 100 mil reais para realizar seus últimos desejos

Matéria anterior

Quem é mais forte: Gandalf ou Dumbledore?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos