CuriosidadesHistória

6 palavras “inocentes” que possuem origens extremamente sujas

0

De onde vem os nomes das coisas? Essa pergunta muita gente se faz quando criança, mas ao longo da vida acaba apenas aceitando. Algumas origens são bem claras quando a gente para pra pensar, mas outras podem ter passados bem estranhos.

Nomes de plantas ou animais comuns, por exemplo, já tiveram motivação em piadas ou formatos de órgãos sexuais. Às vezes estamos apenas falando palavras simples e carregando uma origem bem bizarra por trás dela.

Separamos aqui algumas dessas palavras que tem origens pra lá de indecentes sem a gente nem desconfiar.

1 – Orquídea

por-que-uma-orquidea-nao-floresce-2

Se você é admirador dessa flor, saiba que o nome dela tem uma inspiração um tanto quanto estranha. Após observar a semelhança das raízes de algumas das plantas com testículos, biólogos tomaram inspiração da palavra ‘orchis’. Em grego, orchis significa, literalmente testículos.

2 – Seminário

Prorh-seminário-de-integração-2

Seminário pode ser utilizado para nomear uma instituição de jovens dedicados à carreira religiosa ou um congresso de apresentação e discussão de ideias. A palavra em latim, seminarium, servia para definir viveiros de criação de plantas. A importação da palavra faz menção à criação de debates e novas ideias. A origem de seminarium, no entanto, vem de sêmen.

3 – Mastodonte

158925766

Uma espécie de elefante gigante da pré-história, o mastodonte teve seu nome criado de um jeito bem estranho. Cientistas fizeram a aglutinação das palavras latinas mastos (seios) e odon (dentes). A associação da forma da ponta das presas da criatura a mamilos originou o nome.

4 – Amazonas

71559fd3fa245acd48ecc1f78fdd98cf

A lenda das amazonas fala de incríveis guerreiras mulheres que, dentre várias habilidades, eram ótimas arqueiras. Algumas se dedicavam tanto à arte que removiam os seios para que eles não atrapalhassem os movimentos ao manipular a arma. O nome da tribo tem a palavra mazos (que significa seios) atrelado ao prefixo a, de negação.

5 – Baunilha

vanilla-flower

Ao descobrir o império asteca, os colonizadores espanhóis também descobriram uma nova planta, a baunilha. Em razão do formato das plantas, a nomearam ‘vainila’, numa piada com ‘vaina’, que precede vagina. Além do órgão genital feminino, a palavra também fazia referência a pequenos invólucros.

6 – Porcelana

porcelain-2-1260x767

O material tem o nome de origem italiana. ‘Porcellana’ significa concha de búzios, em alusão à semelhante superfície lisa do material. Já o nome da concha, significa jovem porca. Esse nome foi escolhido porque o formato das conchas era parecido ao da vagina de porcas pequenas.

Parece que a estratégia de usar o formato das partes íntimas para dar nome às coisas fez muito sucesso entre exploradores e cientistas do passado, não é mesmo? Imagina se a tendência continuasse até hoje, as bizarrices que teríamos por aí…

10 tipos de amigos que todo mundo tem

Matéria anterior

8 artistas brasileiros que já foram beneficiados pela Lei Rouanet

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.