Curiosidades

6 técnicas infalíveis para aprender a cantar bem

0

Nem todo mundo nasce cantando, como é possível ver algumas crianças na internet. Mas ninguém precisa se sentir “menor” por causa disso. Embora a cantoria seja um dom, todo mundo pode aprender a cantar.

Isso porque, mesmo que não você não receba o Grammy da música por seu talento natural, algumas técnicas e cuidados com a voz podem educar a forma de projetar o som de suas pregas vocais, para que ele seja – ao menos – toleráveis aos seres vivos.

Assim, se você é uma negação completa para o “ramo” musical e sempre sonhou em cantar usando um microfone, não desista! Nós, do Fatos Desconhecidos, trouxemos algumas técnicas super úteis, capazes de te ajudar nessa empreitada.

Confira a lista abaixo e aprenda a cantar (pelo menos de forma tolerável) em seis passos:

1. Não imite ninguém

2

Nada de tentar imitar seu cantor preferido! Para cantar bem as pessoas precisam encontrar seu estilo próprio. Isso porque, ao tentar seguir o tom de outro pessoa, você acaba forçando sua voz e comprometendo a interpretação.

2. Ache o seu tom

1

Não existe um tom certo universal. Cada pessoa tem o seu e encontrá-lo significa poder deixar a voz firme e confortável. De forma geral, há 3 possibilidades: baixo, médio e agudo. Se sua voz é grave, pode ser que seu canto fique melhor em um tom baixo ou médio, por exemplo. Nesse caso, se a vontade de descobrir qual seu tom ideal, o conselho é consultar um professor de canto.

3. Aprenda a respirar

3

Nada de cantar engasgando ou cortando palavras no meio para puxar o ar. A respiração abdominal é a ideal para o canto, porque permite que você use toda a capacidade pulmonar. Mas, claro, para fazer isso sem esforço é preciso treino: inspire e leve o ar para a região do abdome durante 3 segundos, depois sopre a bexiga, contraindo o abdome até soltar todo o ar.

4. Boa postura é essencial

4

Parece bobeira, mas a verdade é que a má postura pode bloquear o movimento do diafragma (na região abdominal) e dificultar a respiração. Para evitar problemas assim, endireite o tronco e deixe os ombros relaxados. Para ajudar, deixe os pés um pouco afastados um do outro, para ter maior equilíbrio; e evite colocar todo seu peso sobre uma perna só.

5. Prepare a voz

5

A alimentação pode influenciar, e muito, na hora de usar o potencial da voz. Evite comer derivados de leite, por exemplo, que alteram o pH da saliva e a deixam mais viscosa. Açúcares também são ruins, pois estimulam a produção de muco.

Além disso, outro cuidado necessário é o “aquecimento” da voz, que funciona como o alongamento do corpo, na hora dos exercício físicos. Para isso, tente imitar os sons de uma metralhadora (trrrrrrrrrrrr) por até 15 minutos. Isso evitará nódulo nas cordas vocais e outras agressões.

6. Articule bem as palavras

6

É preciso abrir bem a boca durante o tempo em que se está cantando, fazendo o “desenho” das sílabas de cada palavras, principalmente no caso das vogais. Isso dá força à interpretação e ajuda as pessoas a entenderem o que você está dizendo durante a música. Exercícios como estalar a língua ou vibrar os lábios (fazendo “brrrr”) ajudam e relaxam a musculatura da boca.

Conheça os tipos de pena de morte usados ao redor do mundo

Matéria anterior

Por que existe fogo colorido?

Próxima matéria

Comentários

Comentários não permitidos.

Mais em Curiosidades

Você pode gostar